AVANÇOS E CONTINUIDADES PARA AS MULHERES NO MUNDO DO TRABALHO (2004-2014)

Marilane Oliveira Teixeira

Resumo


Alguns aspectos do trabalho feminino são supreendentemente semelhantes ao longo do tempo, como a grande proporção de mulheres em idade ativa e ausentes do mercado de trabalho, o grande número de mulheres ocupadas sem remuneração, a predominância entre os desempregados, o grande volume de horas dedicadas aos afazeres domésticos e a significativa concentração em setores e ocupações com estereótipos de gênero. A despeito de uma década particularmente favorável para mulheres e homens, do ponto de vista do trabalho e da renda, persistem alguns atributos a ela associados e que acompanham a sua inserção no trabalho desde os primórdios, mesmo que ao longo do tempo se verifique avanços, contudo, sem alterar de maneira significativa o seu lugar na divisão sexual do trabalho. Apesar de maior participação no trabalho remunerado e de escolaridade superior ao do sexo masculino, persistem condições de trabalho e diferenças nos rendimentos médios desfavoráveis às mulheres, indicando o viés de gênero na forma como se distribuem o sexo nas diversas ocupações e setores econômicos. A inserção das mulheres na estrutura ocupacional nessas últimas décadas apresentou poucas alterações, estão concentradas em atividades ligadas a educação, saúde, serviços sociais e trabalho doméstico remunerado, reafirmando a divisão sexual do trabalho mesmo em tempos de maior igualdade e inclusão social.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este periódico está indexado nas bases: