ENTRE A BAHIA E SÃO PAULO: NARRATIVA FEMININA SOBRE MIGRAÇÃO E TRABALHO DOMÉSTICO

Leilyane Souza Leão

Resumo


Este artigo apresenta a história da vida de uma mulher migrante do nordeste do Brasil, que começou a trabalhar no sertão da Bahia, tornando-se, mais tarde, trabalhadora doméstica na cidade de São Paulo. Sua trajetória, desde cedo marcada pelo contato com atividades domésticas, é apreendida aqui através de sua narrativa que privilegia sua infância na comunidade rural, seu primeiro trabalho ainda na Bahia, as casas nas quais trabalhou em São Paulo e, finalmente, sua jornada na cidade de Sertãozinho (SP), onde ela permanece até hoje, trabalhando em uma usina de álcool.

 

Palavras-chave: Migração. Empregada doméstica. Trabalho. Família. História de vida.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este periódico está indexado nas bases: