O papel da biblioteca como espaço de disseminação da musicografia Braille: uso de ferramentas tecnológicas na produção de partituras para cegos

Fabiana Fator Gouvêa Bonilha, Claudiney Rodrigues Carrasco

Resumo


Esse estudo foi motivado pela experiência da autora enquanto musicista com deficiência visual e seu contato com a musicografia Braille. Ele visa problematizar o uso e a difusão da notação musical em Braille. Essa notação consiste em um sistema de leitura e escrita universalmente adotado por pessoas cegas. Pressupõe-se que seu ensino seja um elemento fundamental para a inclusão dos cegos ao campo da Música. Nesse trabalho, pretende-se enfocar a produção de partituras em Braille por meio de ferramentas tecnológicas específicas, bem como abordar o papel das bibliotecas como espaços de disseminação desse código. No artigo, consta o relato da experiência de formação de um acervo musical realizada no Laboratório de Acessibilidade da UNICAMP. Acesso ao texto completo (PDF)

Palavras-chave


Música; Braille; Biblioteca especial.



Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia ISSN: 1981-0695

 Indexadores

Resultado de imagem para INFOBILA