EXPOR MODOS DE VIR A SER PLURAL: reflexões sobre os jogos didascálicos em A Nau dos Loucos de Luis Alberto de Abreu

Stephan Baumgartel

Resumo


O texto analisa como a peça de Abreu se posiciona em relação ao jogo epistemológico e ético, evocado pela didascália contemporânea Por meio dessa discussão, chega-se a uma interpretação da teatralidade do texto – entre fechamento e abertura da poiesis textual e cênica – como manifestação metafórica de uma posição humana que oscila entre a tentativa de apropriar-se das forças produtivas de sua vida e o reconhecimento de ser submetida e interpelada por elas.

Texto completo:

PDF


ISSN Eletrônico: 2177-8841