TERCEIRIZAÇÃO, ADOECIMENTO E ACIDENTES DE TRABALHO NA CONSTRUÇÃO CIVIL DA GRANDE VITÓRIA/ES

Autores

  • Renata Silva Souza Doutoranda em Política Social no Programa de Pós-Graduação em Política Social (UFES). Pesquisadora do Núcleo de Estudos do Trabalho (NET) do Depto de Serviço Social na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1676-4439.2020v19n02.41299

Resumo

Resumo

Este artigo visa analisar o vínculo existente entre a terceirização e a elevada acidentalidade no trabalho, causadora de mortes e mutilações de trabalhadores terceirizados no setor da construção civil da Grande Vitória no Espírito Santo. Como procedimento metodológico, utilizou-se pesquisa empírica e documental. Como resultado, constatou-se a existência de risco de morte por acidentes entre a força de trabalho terceirizada da construção civil no subsetor de edificações na Grande Vitória/ES.

Palavras-chave: Terceirização. Acidentes. Adoecimento. Construção Civil

Abstract

This paper aims to analyze the link between outsourcing and high accident rates at work causing deaths and mutilations of outsourced workforce in the construction sector of Greater Vitória in state of Espírito Santo. As methodological procedure was used empirical research, and documentary. As a result, it was found that there is increased risk of death due to accidents between the outsourced workforce of the civil construction in the sub-sector of buildings in Greater Vitória/ES.

Keywords: Outsourcing. Accidents. Illness. Civil Construction

Biografia do Autor

Renata Silva Souza, Doutoranda em Política Social no Programa de Pós-Graduação em Política Social (UFES). Pesquisadora do Núcleo de Estudos do Trabalho (NET) do Depto de Serviço Social na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

Doutoranda e Mestra em Política Social no Programa de Pós-Graduação em Política Social pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Pesquisadora do Núcleo de Estudos do Trabalho - NET no Depto de Serviço Social (UFES); Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Estudos Marxistas sobre a Teoria da Dependência na América Latina - Coletivo Anatália de Melo (UFES); Membro do Núcleo de Pesquisa Migrantes, Estrangeiros e Refugiados no Depto de Direito (UFES)

Referências

Referências

ALVES, Giovanni. Dimensões da precarização do trabalho: ensaios de Sociologia do Trabalho. Bauru: Canal 6 Editora, 2013

ANTUNES, Ricardo.; DRUCK, Graça. A epidemia da terceirização. In: ANTUNES, Ricardo (Org.). Riqueza e miséria do trabalho. São Paulo: Boitempo, 2014. V. III, p. 13-24

BRASIL. Ministério da Previdência Social. Texto Explicativo Seção IV Acidentes de Trabalho. Brasília, 2006.

_______. Ministério da Previdência Social. Anuários Estatísticos de Acidentes de Trabalho. Brasília, 2013.

COUTINHO, Grijalbo Fernades. Terceirização máquina de moer gente trabalhadora: a inexorável relação entre a nova marchandage e a degradação laboral, as mortes e mutilações no trabalho. São Paulo: LTr Editora, 2015.

DAL ROSSO, Sadi. Mais trabalho! A intensificação do labor na sociedade contemporânea. São Paulo: Boitempo Editorial, 2008.

DEJOURS, Christophe. A banalização da injustiça social. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2011.

DIEESE. O Processo de Terceirização e seus Efeitos sobre os Trabalhadores no Brasil. Relatório Técnico. 2013. Disponível em: Acesso em: 13 mai. 2018.

DRUCK, Graça. Trabalho, precarização e resistências. Caderno CRH, Salvador, UFBA, v. 24, 2011.

DRUCK, Graça.; FRANCO, Tânia. A perda da razão social do trabalho: terceirização e precarização. São Paulo: Boitempo, 2007.

FILGUEIRAS, Vitor Araújo. Terceirização e acidentes de trabalho na construção civil. In: FILGUEIRAS, Vitor Araújo (Org.). Saúde e segurança do trabalho na construção civil brasileira. Aracaju: Ministério Público do Trabalho, 2015. p. 61-86.

MARX, Karl. O capital: crítica da economia política. São Paulo: Abril Cultural, 1996.

MESZÁROS, István. A Crise estrutural do capital. São Paulo: Boitempo, 2011.

RODIGUES, Patrícia Ferreira; ALVARO, Alex.L.Teixeira; RONDINA, Regina. Sofrimento no Trabalho na visão de Dejours. Revista Científica Eletrônica de Psicologia. Ano IV, n.7, p. 1-8, nov. 2006.

SANTOS FILHO, Bertolino Bernardes dos. Trabalho e Saúde: a lombalgia em pedreiros de uma empresa da construção civil na Grande Vitória/ES. 2011. 81 f. Dissertação (Mestrado em Políticas Públicas e Desenvolvimento Local) - Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Desenvolvimento Local, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória, Vitória, 2011. (Dissertação de Mestrado inédita)

SILVA, Maria Cristina V. de Cristo. Condições de Trabalho e Clima de Segurança dos Operários da Construção de Edificações. 2013b. 98 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2013. (Dissertação de Mestrado inédita)

SOUZA, Renata Silva. A terceirização do trabalho no setor da construção civil na Grande Vitória/ES. 2017. 150 f. Dissertação (Mestrado em Política Social) - Programa de Pós-Graduação em Política Social, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2017. (Dissertação de Mestrado inédita)

Downloads

Publicado

2021-01-20