[1]
E. Dorlin, “Revolução do feminismo negro!”, Revista Ártemis, vol. 27, nº 1, p. 63-88, jul. 2019.