ENTRE BOATOS E VERDADES: A ORIENTAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS ADOTADAS POR CASAIS HOMOSSEXUAIS

  • Josiane Peres Gonçalves Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campus de Naviraí (UFMS/CPNV).
  • Fláubertt Odevanir Couto Universidade Federal da Grande Dourados
  • Fábia da Silva Azevedo Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campus de Naviraí (UFMS/CPNV).
Palavras-chave: Desenvolvimento da Sexualidade. Crianças. Famílias Homoparentais.

Resumo

A pesquisa, que tem por finalidade compreender como se dá o desenvolvimento sexual de crianças adotadas/ou que convivem como famílias homoparentais, foi realizada por meio de questionários com 20 acadêmicas de Pedagogia, 5 docentes e 3 psicólogas de um município do interior do Estado de Mato Grosso do Sul. Os resultados apontam que não há diferenças no desenvolvimento da criança que convive em contexto homoparental, se comparadas com outras crianças que convivem em outros contextos familiares, e a convivência com novos arranjos familiares faz com que as crianças cresçam compreendendo e respeitando as diferenças e diversidades existentes na sociedade.

Biografia do Autor

Josiane Peres Gonçalves, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campus de Naviraí (UFMS/CPNV).

Doutora com Pós-Doutorado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). É Professora Permanente do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Campus do Pantanal (CPAN/UFMS) e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação (FAED/UFMS). Líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Desenvolvimento, Gênero e Educação (GEPDGE).

Fláubertt Odevanir Couto, Universidade Federal da Grande Dourados

Mestrando em Educação pela Unviersidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) Campus de Naviraí.

Fábia da Silva Azevedo, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campus de Naviraí (UFMS/CPNV).

Graduada em peladogia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Campus de Naviraí.

Referências

SÃO PAULO. Governo do Estado. Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania. Coordenação de Políticas para a Diversidade Sexual. Diversidade sexual e cidadania LGBT. São Paulo : SJDC/SP, 2014.

BRASIL. Lei 8.069, de 13 de Julho de 1990. Estatuto da Criança e do Adolescente. Brasília: Ministério da Justiça, 1990. Disponível em: Acesso em: 25 nov. 2019.

BRASIL. Conselho Nacional de Justiça. Resolução Nº 175 de 14/05/2013. Dispõe sobre a habilitação, celebração de casamento civil, ou de conversão de união estável em casamento, entre pessoas de mesmo sexo. Disponível em: . Acesso em: 10 dez. 2019.

CLARKE, Victória. What about the children? Arguments against lesbian and gay parenting. Women's Studies International Forum, n. 24, p. 555-570, 2001.

COSTA, Pedro Alexandre et al. Atitudes da população portuguesa em relação à homoparentalidade. Psicol. Reflex. Crit., Porto Alegre, v. 26, n. 4, p. 790-798, dez. 2013 . Disponível em . Acesso em: 25 nov. 2019.

DIAS, Maria Berenice. Adoção homoafetiva. Casa da Maitê. 2004. Disponível em: . Acesso 25 out. 2019.

GATO, Jorge; FONTAINE, Anne Marie. Impacto da orientação sexual e do género na parentalidade: Uma revisão dos estudos empíricos com famílias homoparentais. Ex aequo, Vila Franca de Xira, n. 23, p. 83-96, 2011. Disponível em . Acesso em: 25 nov. 2019.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. Disponível em: <197.249.65.74:8080/biblioteca/handle/123456789/707>. Acesso em 12 nov. 2017.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Metodologia Científica. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

PAPALIA, Diane E.; FELDMAN, Ruth Duskin. Desenvolvimento Humano. 12ª ed. Porto Alegre. 2013.

PASSOS, Maria Consuelo. Homoparentalidade: Uma entre outras formas de ser família. Psic. Clin., Rio de Janeiro, v. 17, n. 2, p.3 –40, 2005. Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2019.

PEREIRA, Diogo Fagundes. Homossexualidade em cena: Da naturalidade ao preconceito revisitando a produção científica nacional. Itinerarius Reflectionis, [S.l.], v. 13, n. 2, p. 01 - 19, ago. 2017. Disponível em: . Acesso em: 25 nov. 2019.
Publicado
2020-02-20
Como Citar
PERES GONÇALVES, J.; ODEVANIR COUTO, F.; DA SILVA AZEVEDO, F. ENTRE BOATOS E VERDADES: A ORIENTAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS ADOTADAS POR CASAIS HOMOSSEXUAIS. Gênero & Direito, v. 9, n. 2, 20 fev. 2020.
Seção
Direitos Humanos e Políticas Públicas de Gênero