https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/issue/feed Informação & Sociedade: Estudos 2021-03-30T23:39:01-03:00 Wagner Junqueira Araújo wagnerjunqueira.araujo@gmail.com Open Journal Systems <p align="justify">Informação &amp; Sociedade: Estudos (I&amp;S) é um periódico na área da Ciência da Informação vinculado ao <a href="http://dci.ccsa.ufpb.br/ppgci">Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação</a> da Universidade Federal da Paraíba. I&amp;S está avaliado na base de dados <a href="http://qualis.capes.gov.br/webqualis/ConsultaPeriodicos.faces">Qualis da CAPES como A2 e possui Índice h5: 8 e Meidana h5: 11 no Google Scholar.</a></p> <div id="spoon-plugin-kncgbdglledmjmpnikebkagnchfdehbm-2" style="display: none;">&nbsp;</div> https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/53801 A Metacognição nas ações do bibliotecário multiplicador da Competência em Informação 2021-03-30T23:38:44-03:00 Ana Maria Mendes Miranda anamirandamm@gmail.com Adriana Rosecler Alcará adrianaalcara@gmail.com <p>A metacognição é conceituada como o processo de refletir sobre os próprios pensamentos, nesse sentido ela se apresenta como base para o desenvolvimento de diferentes ações. Relacionando-a ao processo de busca e apropriação da informação, a metacognição pode ser vista como pano de fundo para a competência em informação. Nesse contexto, o objetivo da pesquisa foi investigar as estratégias metacognitivas utilizadas por bibliotecários e seu impacto no desenvolvimento de ações para a competência em informação. Para tanto, foi realizada uma pesquisa de campo, descritiva, com abordagem qualitativa. A pesquisa de campo contou como uma coleta de dados em forma de grupo de foco, do qual participaram cinco bibliotecárias de diferentes tipos de biblioteca. Após a realização do grupo de foco, os dados coletados foram analisados por meio da análise de conteúdo. Entre os principais resultados foi possível identificar que as estratégias metacognitivas estão presentes nas ações desenvolvidas pelos bibliotecários, principalmente estratégias como o planejamento e o monitoramento. É possível concluir que a metacognição possibilita uma consciência e reflexão dos bibliotecários em torno dos processos de ensinar e aprender, o que auxilia no desenvolvimento de ações voltadas para a formação de sujeitos no contexto da competência em informação.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/50273 Utilização de ontologias na Recuperação de Informação: principais abordagens, problemas e propostas de melhorias 2021-03-30T23:38:46-03:00 Marcia Cristina dos Reis marcia.reis@ifpr.edu.br Edberto Ferneda edberto.ferneda@unesp.br <p>As ontologias estão sendo utilizadas para a implementação de novos recursos e melhorias em sistemas de busca e recuperação de informações, principalmente no contexto da Web. O presente artigo tem como objetivo apresentar um panorama sobre a utilização de ontologias em sistemas de recuperação de informação, discutindo tipos adotados, áreas de aplicação, principais abordagens, propostas de melhorias, estudos validados por usuários e lacunas de pesquisa ainda existentes. A metodologia adotada para este fim contou com pesquisa bibliográfica, de caráter exploratório, baseada nas áreas de Ciência da Informação e Ciência da Computação, realizada por meio de publicações presentes na ACM Digital Library e Google Scholar. Entre os principais resultados, percebemos que as ontologias têm sido amplamente discutidas na literatura e utilizadas em diversas propostas e experimentos, proporcionando melhorias significativas no processo de recuperação de informação. Tal recurso possibilita o desenvolvimento de funcionalidades e recursos interativos, busca semântica, expansão e refinamento de consultas, além de contribuir para projetos de acesso à Web Semântica, visualização de informações, recuperação multimídia, dispositivos móveis e desenvolvimento de interfaces e sistemas. No entanto, apesar das inúmeras contribuições, sugerimos que as ontologias sejam utilizadas para potencializar a busca, através da exploração do significado existente entre os conceitos relacionados.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/58876 Informação para o Conhecimento 2021-03-30T23:38:43-03:00 Gustavo Henrique de Araújo Freire ghafreire@gmail.com Isa Maria Freire isafreire@globo.com <p>No n.2 de 2020, nosso Editorial abordou A Ciência em ação, sobre o momento histórico que ainda estamos vivendo sob o jugo da pandemia do Covid-19. Dizíamos que, em todo o mundo, instituições de pesquisa publicavam editais “conclamando cientistas a se reunirem para encontrar respostas em nível<br>de antecipação (vacina) ou terapia” (FREIRE; FREIRE, 2020)...</p> 2021-03-30T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/50790 Boas práticas para dados na web: análise do portal Dados Abertos Cape 2021-03-30T23:38:49-03:00 Emanuelle Torino etorino@gmail.com Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti silvana.vidotti@unesp.br <p>O presente estudo objetivou discutir o atendimento de conjuntos de dados abertos governamentais acerca da Avaliação da Pós-Graduação Stricto Sensu disponíveis no portal Dados Abertos Capes às boas práticas para de dados na web. A análise apresentou a adequação dos 29 conjuntos de dados às 35 boas práticas para a disponibilização de dados na web, recomendadas pelo <em>World Wide Web Consortium</em>, bem como os benefícios alcançados pelo atendimento, de forma a fornecer aportes teóricos da Ciência da Informação para subsidiar os fornecedores de dados, no tocante à melhoria dos dados disponibilizados na web. A partir da análise foi possível verificar que, das 35 boas práticas, 7 não se aplicam aos conjuntos de dados analisados; 20 foram consideradas não atendidas ou parcialmente atendidas e 8 consideradas atendidas. Os dados disponíveis no portal Dados Abertos Capes necessitam de ajustes para que possam atender à terceira estrela dos dados abertos.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/57888 Impacto e visibilidade de publicações sobre Web Semântica: dados de citação e de atenção online 2021-03-30T23:38:51-03:00 Ronaldo Ferreira de Araújo ronaldfa@gmail.com José Eduardo Santarem Segundo santarem@usp.br Críspulo Travieso-Rodríguez ctravieso@usal.es Gustavo Miranda Caran gmcaran@gmail.com <p>O artigo discorre sobre o campo da Web Semântica e analisa a produção e o impacto de suas publicações a partir de seus indicadores bibliométricos de citação e altmétricos de atenção online e a correlação entre eles. Foram considerados dados de 5,000 pesquisas publicadas entre 2014 e 2019. A principal área de estudo das publicações é <em>Information and Computing Sciences</em> concentrando 79% das pesquisas e o maior agrupamento em co-ocorrência de termos indica predominância de discussões relacionadas a estrutura fundamental de desenvolvimento da web semântica. Quanto ao desempenho, o conjunto das pesquisas obteve um impacto acadêmico de 14.945 citações e de atenção online de 3.929 menções em fontes da web social. O coeficente de correlação aplicado entre os indicadores de altmetria e de citações demonstrou relações predominantemente fracas para a maioria das variáveis, com exceção do Mendeley (p = 0,73). O estudo destaca a complementaridade entre técnicas bibliometricas e altmétricas e reforça a necessidade de abordagens qualitativas que evidenciem de forma mais adequadas suas correlações.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/52120 Muli e interdisciplinaridade entre a Ciência da Informação e a Ciência da Computação no âmbito da Web Semântica 2021-03-30T23:38:54-03:00 Caio Saraiva Coneglian caio.coneglian@gmail.com Marta Lígia Pomim Valentim valentim@valentim.pro José Eduardo Santarem Segundo santarem@usp.br <p>As transformações da sociedade impõem novas configurações no modo como as disciplinas se compõem e se relacionam. Nesse contexto, a multi, a inter e a transdisciplinaridade podem proporcionar respostas para a solução de problemas que não são solucionados no âmbito das ciências clássicas. Uma dessas relações reside entre a Ciência da Informação e a Ciência da Computação, cuja interação pode trazer contributos para ambas as áreas. A Web Semântica é um exemplo deste tipo de inter-relação, nascida na Ciência da Computação, mas que apresenta uma grande influência no campo da Ciência da Informação. Nessa perspectiva, esta pesquisa tem como objetivo analisar e discutir as inter-relações e os consequentes pontos de multi e interdisciplinaridades existente entre a Ciência da Informação e a Ciência da Computação no âmbito da Web Semântica. Para tanto, a pesquisa tem natureza qualitativa, em que partindo-se das camadas da Web Semântica buscou-se identificar quais as áreas da Ciência da Informação que interagem com a Ciência da Computação, além de identificar se tais relações são multi ou interdisciplinares. Assim, este trabalho considerou uma estrutura clássica da Web Semântica, as camadas, para identificar as relações multi e interdisciplinares existentes entre a Ciência da Informação e a Ciência da Computação. Foi possível identificar que as quatro camadas principais da Web Semântica promovem essa relação entre as duas áreas do conhecimento, sendo que nas duas camadas inferiores (codificação e sintaxe) verifica-se que ocorre tal inter-relação, podendo esta ser caracterizada como do tipo multidisciplinar, enquanto nas duas camadas superiores (dados e vocabulários e ontologias) pode ser caracterizada como uma inter-relação interdisciplinar.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/57984 O resumo e a mobilização dos recursos metodológicos em teses do direito 2021-03-30T23:38:56-03:00 Paula Carina de Araújo paulacarina@ufpr.br Taysa Schiocchet taysa_sc@hotmail.com <p>Discute a pesquisa em direito no Brasil e a mobilização dos recursos metodológicos de teses do Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade Federal do Paraná. Objetiva analisar de que forma são mobilizados os recursos metodológicos de teses defendidas de 2017 a 2019 no Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade Federal do Paraná, mediante a identificação da presença/ausência dos itens obrigatórios (tema, objetivo, método, discussão e conclusão) nos seus resumos. &nbsp;Os objetivos específicos são: a) discutir aspectos da pesquisa em direito no Brasil; b) apresentar o resumo como elemento fundamental para a representação do conteúdo e dos recursos metodológicos das teses; c) caracterizar a pós-graduação em direito brasileira; b) contextualizar o PPGD da UFPR; d) categorizar as teses defendidas entre 2017 e 2019 no PPGD/UFPR do ponto de vista da mobilização dos seus recursos metodológicos no resumo. Desenvolve uma pesquisa descritiva e faz uso da análise de conteúdo para analisar e apresentar os dados da pesquisa. Utiliza os softwares Excel e Atlas.ti para a organização e visualização dos dados. Os item tema e objetivos são os mais recorrentes nos resumos que compõem o corpus da pesquisa e que o item métodos é o que menos vezes figura nos resumos. Apenas dez resumos apresentam todos os itens obrigatórios do resumo, ainda que de forma implícita. O modelo de parecer é muito usado na forma de escrita do resumo, o que pode indicar uma confusão entre escrita científica e escrita profissional da área do direito.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/54087 Analisando sentimentos no Tripadvisor: a voz do consumidor como parâmetro decisório na medição da qualidade da informação em museus 2021-03-30T23:38:59-03:00 Larissa Fernandes Dutra larissadutraa@gmail.com Marlusa de Sevilha Gosling mg.ufmg@gmail.com <p>O objetivo deste artigo é identificar parâmetros que auxiliem gestores de museus na medição da qualidade da informação de suas instituições. Para isso, foram recuperadas 1900 avaliações em língua portuguesa, de setembro de 2017 a outubro de 2019 postadas na plataforma TripAdvisor, referentes ao Museu do Amanhã, localizado no Rio de Janeiro – RJ.&nbsp; A partir de uma análise de conteúdo foram excluídas as avaliações não relacionadas ao tema “informação museal”, restando 701 comentários. Através do sistema <em>web</em> iFeel, foram rodados 18 métodos diferentes de análise de sentimento e aplicados testes de assertividade em cada um deles. O método Umigon foi considerado o mais adequado na categorização de opiniões positivas, negativas e neutras para o banco de dados trabalhado. O maior número de sentimentos negativos a respeito da qualidade da informação no Museu do Amanhã relaciona-se a funcionários mal informados, a informação institucional desorganizada e a ausência de sinalização interna. Em se tratando de sentimentos positivos, percebeu-se que a relevância da informação transmitida pelas exposições e os altos níveis de interatividade para recuperação de informações do acervo foram os maiores favorecedores. Os resultados possibilitaram, ainda, a construção de parâmetros que poderão nortear tomadores de decisão de diversos outros museus quanto a temática qualidade da informação.</p> 2021-03-29T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos https://periodicos.ufpb.br/index.php/ies/article/view/58875 Expediente v.31 n.1 2021 2021-03-30T23:38:41-03:00 Gustavo Henrique de Araújo Freire ghafreire@gmail.com Isa Maria Freire isafreire@globo.com Isa Maria Freire isafreire@globo.com <p><strong>INFORMAÇÃO &amp; SOCIEDADE: ESTUDOS. </strong><strong>EXPEDIENTE volume 31, número 1 de 2021.</strong></p> 2021-03-30T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Informação & Sociedade: Estudos