Um olhar da Logoterapia para pacientes terminais

  • Caroline França Madeira Universidade Federal do Maranhão

Resumo

Ao se deparar com uma doença terminal, o ser que adoece se percebe em uma situação irreversível, onde a cura passa a não ser mais objetivo e a vida, para muitos, passa a não ter mais sentido. A Logoterapia traz como contribuição a esses pacientes a convicção de que a vida mesmo diante de situações limites como a morte, ainda possui um sentido ou sentidos a realizar. Com o objetivo de discutir a possibilidade da realização de sentido, mesmo diante da morte iminente, foi realizada uma pesquisa de caráter exploratório, referente à abordagem psicológica Logoterapia e Análise Existencial, voltada para o paciente terminal.

Biografia do Autor

Caroline França Madeira, Universidade Federal do Maranhão
Caroline França Madeira, formada em Psicologia pela Universidade Federal do Maranhão.
Publicado
2019-05-08
Seção
Estudos Teóricos