Os “incluídos digitais” são “incluídos sociais”? Estado, mercado e a inserção dos indivíduos na sociedade da informação

  • Olívia Bandeira de Melo Carvalho

Resumo

É cada vez mais aceita a idéia de que a distribuição desigual da tecnologia aumenta as desigualdades econômicas e sociais. No entanto, a maior parte das políticas públicas de inclusão digital dá ênfase à disponibilização dos aparatos tecnológicos, sem levar em conta outras competências necessárias para sua utilização, bem como outras políticas essenciais para a superação das desigualdades. O objetivo deste artigo é, fugindo dos discursos catástrofistas do otimismo acrítico, discutir o que significa a inserção dos indivíduos nessa sociedade midiatizada e qual o papel do Estado, do mercado e de pequenos estabelecimentos como as lan houses nesse processo. link para o texto completo: revista.ibict.br/liinc/index.php/liinc/article/viewFile/294/184
Publicado
2012-02-07
Seção
Resumos de artigos científicos