Uso da informação em museus: visitas ao Centro Cultural de São Francisco

  • Tahis Virgínia Gomes da Silva
  • Francisca Arruda Ramalho

Resumo

Objetivando analisar o uso da informação pelos usuários/visitantes do Centro Cultural de São Francisco (CCSF) foi desenvolvida esta pesquisa de caráter exploratório-descritiva, com abordagem qualitativa e quantitativa (uso de gráficos e tabelas) na análise dos dados, no ano de 2007, como resultado de Trabalho de Conclusão de Curso. A População foi composta por quarenta usuários/visitantes do CCSF. A análise dos dados mostrou que os usuários/visitantes do CCSF eram, em sua maioria, do sexo feminino, tem entre 26 e 30 anos de idade; com nível superior e de pós graduação; ganhando entre dois e cinco salários mínimos; solteiros; raramente freqüentavam museus; passavam entre duas ou três horas numa exposição museológica e tinham a leitura como principal preferência de lazer. Para estes usuários/visitantes do CCSF o que motivou à visita a instituição museal foi a “curiosidade” e os “estudos” e o uso da informação adquirida no CCSF se davam na vida social. Conclui-se que os estudos de usuários e usos da informação em museus são relevantes. São, então, necessárias práticas expositivas que viabilizem o acesso democratizante às linguagens museológicas. Isso só acontecerá quanto o usuário for compreendido como um agente participante na visitação aos museus e quando a administração das instituições museais - quer na esfera pública quer na privada - passarem a pensar suas exposições em pró da satisfação das necessidades de informação dos seus usuários/visitantes. Palavras-Chaves: Museu. Centro Cultural de São Francisco. Disseminação da Informação. Museu. Estudo de Usuário. Museu Link para o texto completo (PDF) http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/biblio/article/viewFile/4247/5803
Publicado
2012-08-09
Seção
Resumos de artigos científicos