A situação atual da indexação nas tarefas bibliotecárias

  • Mariângela Spotti Lopes Fujita UNESP/Marília.
  • María del Carmen Agustín Lacruz Universidad de Zaragoza.
  • Raquel Gómez Díaz

Resumo

Na atualidade a atribuição dos descritores de assuntos ou indexação do conteúdo dos livros, nem sempre está associada ao contexto concreto de cada biblioteca, provocando, em muitos casos, que a recuperação por assuntos não resulte adequada. Neste trabalho analisamse os principais desafios e perspectivas da indexação dos livros, os avanços de análises de assuntos nos catálogos de bibliotecas, examinam-se procedimentos, instrumentos, regras e condutas utilizadas nas análises e representação do conteúdo dos livros. Também se mostra a interação entre o ensino, a pesquisa e a atuação profissional necessária para que os estudantes possam desenvolver competências na análise, na representação e na procura da informação, assim como os princípios – provavelmente menos evidentes– da organização do conhecimento. Este trabalho coloca em evidência que as políticas de gestão da informação, mais quantitativas que qualitativas, deixam num segundo plano o processamento intelectual do conteúdo prejudicando, desta maneira, a recuperação por assuntos através do catalogo da biblioteca. Finalmente, se recolhe uma serie de propostas docentes relacionadas com a atribuição de descritores de assuntos em contextos bibliotecários. Palavras-chave: Indexação de livros. Ensino da indexação. Catalogação de assuntos. Link para o texto completo (PDF) http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1402/1009

Biografia do Autor

Mariângela Spotti Lopes Fujita, UNESP/Marília.
Professora Titular do Depto de Ciência da Informação. Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP – Campus de Marília
María del Carmen Agustín Lacruz, Universidad de Zaragoza.
Profesora Titular de Universidad. Dpto CC. de la Documentación e H.ª de la Ciencia Facultad de Filosofía y Letras. Universidad de Zaragoza España
Raquel Gómez Díaz
Profesora Titular de Universidad. Dpto. de Biblioteconomía y Documentación. Facultad de Traducción y Documentación. Universidad de Salamanca. España
Publicado
2013-05-03
Seção
Resumos de artigos científicos