Informação, interação e mobilidade

  • Camila Maciel Campolina Alves Mantovani Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.
  • Maria Aparecida Moura Universidade Federal de Minas Gerais.

Resumo

Introdução: Como uma evolução do estado de permanente conexão em que se encontram os sujeitos na contemporaneidade, as mídias móveis vêm se tornando um dos principais mediadores do estar em rede. Objetivo: Discutir as implicações da crescente interpenetração das tecnologias móveis em rede na vida social e as mudanças provocadas nas interações entre os sujeitos e entre sujeitos e informações. Metodologia: Reflexão sobre os conceitos de informação, interação e ubiquidade, tendo em vista as relações sociais e os processos de sociabilidade inaugurados no movimento físico e, principalmente, no movimento mediado pelas tecnologias de informação e comunicação. Resultados: A noção de interatividade, presente nas relações mediadas pelas tecnologias móveis, apresenta diferenças em relação a outras mídias digitais. No caso, a ubiquidade torna-se uma característica distintiva das interações nesses dispositivos. Devido ao acesso constante aos dispositivos tecnológicos, surgem novos comportamentos e atitudes que transformam nossas capacidades produtiva e interativa. Conclusões: As interações via dispositivos móveis, além de alterarem o uso do tempo e o papel do lugar (ubiquidade), podem nos levar a um melhor entendimento das relações entre sujeitos, informação e dispositivos tecnológicos. A questão não está em avaliar essas mudanças em relação a aspectos positivos ou negativos, mas sim constatar que o uso desses dispositivos acaba por configurar novas formas de se “estar junto”. Sob esse aspecto, acreditamos que o conceito de informação precise ser entendido para além da noção que o vincula à ação “comunicar algo a alguém”, assumindo uma dimensão relacional. Palavras-chave: Informação. Interação. Mobilidade. Ubiquidade. Dispositivos móveis. Link para o texto completo (PDF) http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/13764/pdf

Biografia do Autor

Camila Maciel Campolina Alves Mantovani, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.
Doutora em Ciência da Informação pela UFMG. Professora da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.
Maria Aparecida Moura, Universidade Federal de Minas Gerais.
Pós-Doutora em Semiótica Cognitiva e Novas Mídias pela Maison de Sciences de I Homme. Professora da Universidade Federal de Minas Gerais.
Publicado
2013-12-20
Seção
Resumos de artigos científicos