Trajetórias cognitivas subjacentes ao processo de busca e uso da informação: fundamentos e transversalidades

  • Aida Varela Universidade Federal da Bahia.
  • Marilene Lobo Abreu Barbosa Universidade Federal da Bahia.

Resumo

Analisam-se as possíveis trajetórias cognitivas decorrentes do processo de busca, recuperação e uso da informação, no âmbito da educação e na inter-relação desta com a ciência da informação, na perspectiva da construção do conhecimento, demonstrando a aplicabilidade dos estudos cognitivos neste processo, abrangendo a relação dos sujeitos intervenientes, no sentido de ampliar a compreensão dos fenômenos informacionais, que ocorrem na dinâmica da transferência da informação, considerando que esta é um ato pedagógico. Apresentam-se por contiguidade de conhecimentos e necessidades, os principais representantes das correntes cognitivas educacionais, como substrato aos processos de recuperação, compreensão, reflexão e criticidade essenciais à construção do conhecimento científico, com destaque para o domínio dos vários níveis de leitura e o desenvolvimento de competências para buscar e usar a informação. Palavras-chave: Ciência da informação. Ciências cognitivas. Processos de recuperação e uso da informação. Competência Informacional. Link para o texto completo (PDF) https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2012v17nesp1p142/22730

Biografia do Autor

Aida Varela, Universidade Federal da Bahia.
Universidade Federal da Bahia.
Marilene Lobo Abreu Barbosa, Universidade Federal da Bahia.
Universidade Federal da Bahia.
Publicado
2013-12-21
Seção
Resumos de artigos científicos