Estudos de usuários na perspectiva fenomenológica: revisão de literatura e proposta de metodologia de pesquisa

  • Tatiane Krempser Gandra UFMG.
  • Adriana Bogliolo Sirihal Duarte Universidade Federal de Minas Gerais.

Resumo

Apresenta possíveis contribuições da fenomenologia para a Ciência da Informação, especialmente os estudos de usuários da informação, reforçando o movimento de alargamento das fronteiras do campo, enquanto abordagem compreensiva que busca o desvelamento dos fenômenos na mente dos indivíduos. Aponta as contribuições que a fenomenologia pode oferecer aos estudos de comportamento informacional, com destaque para o modelo de distribuição social do conhecimento, de Alfred Schutz, que favorece a compreensão de interações sociais complexas, como as ocorridas nos processos de busca e uso da informação. Apresenta a metodologia de um estudo de usuários em andamento para mostrar como a adoção da fenomenologia enquanto postura metodológica pode contribuir para tais estudos. Conclui-se que há uma aproximação entre o chamado paradigma social da Ciência da Informação e a perspectiva fenomenológica, pois ambas partilham a visão de que a realidade é uma construção intersubjetiva. Palavras-chave: Usuários da informação. Fenomenologia. Comportamento informacional. Link para o texto completo (PDF) http://www.ies.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/10861/8573

Biografia do Autor

Tatiane Krempser Gandra, UFMG.
Doutoranda em Ciência da Informação pelo PPGCI - UFMG.
Adriana Bogliolo Sirihal Duarte, Universidade Federal de Minas Gerais.
Doutorado em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais.
Publicado
2013-12-28
Seção
Resumos de artigos científicos