Representações de sujeitos imersos em atividades de informação como estimulos ao aprofundamento investigativo

  • Francisco das Chagas de Souza Universidade Federal de Santa Catarina
  • Ana Claudia Perpetuo de Oliveira da Silva Universidade Federal de Santa Catarina
  • Daniella Camara Pizarro Universidade Estadual de Santa Catarina
  • Eliane Fioravante Garcez Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC.
  • Priscila Lopes Menezes Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Resumo

Esta comunicação tem como objetivos: a - expor o processo de construção de ma trajetória de pesquisa que deu suporte à elaboração e defesa de três dissertações de mestrado em Ciência da Informação, tratando das representações sociais de ética e conduta de profissionais bibliotecários e de voluntários atuantes em bibliotecas comunitárias (dissertação 1), empresariais (dissertação 2) e escolares (dissertação 3); b - mostrar que os resultados desses estudos deram origem a novas questões a serem investigadas com o propósito de gerar teses de doutorado em Ciência da Informação. As dissertações aludidas foram produzidas com o emprego de teorias sociais de base fenomenológica: construcionismo social, processualismo socio-histórico e representações sociais; e os estudos preliminarmente formulados para execução das pesquisas de doutorado deverão dar sequência à adoção dessa fundamentação fenomenológica vindo a empregar um recorte filosófico. A fenomenologia, como doutrina filosófica, foi escolhida para ser empregada como fundamento para as pesquisas doutorais, por permitir uma abordagem da constituição e construção dos fenômenos do mundo vivido, um conceito de valor fundamentalmente útil para se apreciar os contextos a serem estudados. A metodologia empregada para a construção desta comunicação se define como análise textual e interpretação discursiva de material construído como dissertações de Mestrado e permite projetar-se formas de análise de novos fenômenos da realidade profissional e educacional da Biblioteconomia e Ciência da Informação.

Palavras-chave: Representações sociais. Mundo vivido. Fenomenologia. Informação. Biblioteca. Educação.

 

Link para o texto completo (PDF)

http://inseer.ibict.br/ancib/index.php/tpbci/article/view/127/169

Biografia do Autor

Francisco das Chagas de Souza, Universidade Federal de Santa Catarina
Doutor em Educação. Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP).
Ana Claudia Perpetuo de Oliveira da Silva, Universidade Federal de Santa Catarina
Doutoranda em Ciência da Informação. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Daniella Camara Pizarro, Universidade Estadual de Santa Catarina
Doutoranda em Ciência da Informação no PGCIN/UFSC.
Eliane Fioravante Garcez, Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC.
Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação - PGCIN/UFSC.
Priscila Lopes Menezes, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Mestranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Publicado
2014-12-30
Seção
Resumos de artigos científicos