Acesso e dispositivos legais na gestão de informações arquivísticas

  • Diego Andres Salcedo Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
  • Danielle Alves de Oliveira Estadual da Paraíba (UEPB).
  • Thais Helen do Nascimento Santos Universidade do Porto/Universidade de Aveiro.

Resumo

Explora e debate as práticas de gestão informacional arquivística com ênfase no acesso e dispositivos legais. Utiliza, para isso, tanto a literatura científica como a portaria normativa nº 3, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Contextualiza o debate sobre o papel do Estado brasileiro no que se refere à proteção e disponibilização das informações governamentais aos cidadãos, respeitando as restrições de sigilo, por meio das leis nº 12.527 e nº 8.159. Exemplifica como estudo de caso as ações estratégicas de gestão de informações arquivísticas junto ao acervo funcional da Universidade Federal de Pernambuco. Conclui, a título de uma primeira aproximação sobre o tema, que esse tipo de gestão, apesar das positivas transformações atuais, demanda que o olhar sobre os acervos estocados estáticos de instituições públicas seja revisitado e direcionado ao provimento de acesso às informações num fluxo dinâmico e ininterrupto.

 

Palavras-chave: Acesso. Gestão da Informação. Universidade Federal de Pernambuco.

 

Link para o texto completo (PDF)

https://agora.emnuvens.com.br/ra/article/view/510

 

 

 

Biografia do Autor

Diego Andres Salcedo, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).
Doutorado em Comunicação - Universidade Federal de Pernambuco, UFPE.
Danielle Alves de Oliveira, Estadual da Paraíba (UEPB).
Mestrado em Ciência da Informação - Universidade Federal da Paraíba, UFPB.
Thais Helen do Nascimento Santos, Universidade do Porto/Universidade de Aveiro.
Doutoranda em Informação e Comunicação em Plataformas Digitais da Universidade do Porto (UP).
Publicado
2015-03-12
Seção
Resumos de artigos científicos