Competências gerenciais dos gestores de bibliotecas universitárias de instituições de ensino público em Manaus

  • Marlete Nascimento Irmão Universidade Federal do Amazonas.
  • Célia Regina Simonetti Barbalho Universidade Federal do Amazonas.

Resumo

Investiga as competências gerenciais dos bibliotecários gestores que atuam em bibliotecas universitárias de instituições de ensino público. Objetivou medir as competências gerenciais que os bibliotecários gestores possuem, seguindo a escala de Likert de grau menor a maior. O instrumento utilizado para a coleta dos dados foi um questionário, com dezessete variáveis relacionadas as dimensões da competência: conhecimento, habilidade e atitude a serem reconhecidas pelos gestores a partir do emprego da escala de Likert. A pesquisa, descritiva e exploratória, com natureza quali-quantitativa mostrou que as competências que os gestores de bibliotecas universitárias das instituições públicas possuem são constituídas em graus dois, três e quatro, sendo que o tipo mais assinalado foi à atitude. As competências gerenciais apresentadas pela pesquisa mostram que os bibliotecários gestores das bibliotecas universitárias pesquisadas, não reconheceram possuir nenhum tipo em grau mínimo, retratando que os mesmos acreditam ser profissionais aptos a ocupar o cargo de gerente, mesmo com as deficiências identificadas.

 

Palavras-chave: Bibliotecário Gestor. Biblioteca Universitária de Instituição Pública Competências Gerenciais.

 

Link para o texto completo (PDF)

http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/biblio/article/view/16901

Biografia do Autor

Marlete Nascimento Irmão, Universidade Federal do Amazonas.
Doutora em Comunicação e Semiótica.
Célia Regina Simonetti Barbalho, Universidade Federal do Amazonas.
Doutora em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.
Publicado
2015-03-12
Seção
Resumos de artigos científicos