Avaliação da contaminação microbiana e de parâmetros ambientais – temperatura, ventilação e umidade - na Biblioteca Central da Universidade Federal de Santa Maria/RS: acervos da Coleção Teses e Coletânea UFSM

  • Lizandra Veleda Arabidian Universidade Federal de Santa Maria.
  • Denise de Souza Saad Universidade Federal de Santa Maria.

Resumo

Este artigo analisará um estudo da biodeterioração em dois acervos que fazem parte do patrimônio documental da UFSM. O estudo enfatiza a importância da preservação documental, uma das funções fundamentais para a conservação dos acervos de bibliotecas. A pesquisa tem foco nos problemas ambientais avaliados, que são os microrganismos presentes no ambiente e as condições de umidade, iluminação, ventilação e temperatura no período de um ano. O diagnóstico foi realizado através da observação direta dos acervos, permitindo detectar as necessidades para conservação e preservação destes ambientes através de um plano de ações. Para a realização deste trabalho, foram estudados referenciais teóricos, levantamentos fotográficos, assim como a coleta e identificação de agentes microbiológicos, das condições de umidade, iluminação, ventilação e temperatura no ambiente.  Os resultados identificaram as bactérias Bacillus sp., Serratia plymuthica, Acinetobacter sp., Bordetella trematum, Pseudomonas sp., Enterobacter agglomerans, Moraxella sp., Micrococcus, Staphylococcus coagulase negativa, Staphylococcus epidermidis, Aeromonas sp., Enterococcus sp., Cedecea lapagei, Nocardia sp., Pseudomonas aeruginosa e fungos Penicillium sp., Fusarium sp.e Cladosporium sp., considerados microrganismos patogênicos ou alergênicos. Na análise dos dados verificou-se que há a necessidade de usar recursos para a correção de índices elevados de umidade e temperatura no ambiente da Biblioteca da UFSM.

 

Palavras-chave: Preservação Documental. Acervo Coleção Teses. Coletânea UFSM. Agentes Externos.

 

Link para o texto completo (PDF)

http://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/44210

 

 

Biografia do Autor

Lizandra Veleda Arabidian, Universidade Federal de Santa Maria.
Mestrado em Patrimônio Cultural pelo Programa de Pós Graduação Profissional da UFSM.
Denise de Souza Saad, Universidade Federal de Santa Maria.
Doutorado em Engenharia Civil. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS.
Publicado
2015-03-12
Seção
Resumos de artigos científicos