Tudo velho é novo outra vez: o ISSN no ambiente digital

  • Regina Romano Reynolds

Resumo

Se o Número Internacional Normalizado para Publicações Seriadas (ISSN) não existisse, alguém teria que inventá-lo. Simples assim. No atual ambiente onde bases de dados contêm muitos milhões de registros, identificadores únicos são cruciais. A maioria das bases, índices e registros de periódicos exigem o uso do ISSN. O ISSN é hoje um elementochave nos serviços de resolução de links OpenURL que conectam usuários ao conteúdo dos artigos. Novos tipos de recursos que exigem o ISSN para identificação continuam a ser criados. Novas necessidades para o ISSN, como seu papel na identificação de títulos para arquivamento impresso e digital, continuam a surgir. Em um mundo futuro de dados conectados para bibliotecas, identificadores – incluindo o ISSN – terão um papel essencial. Dodds e Davis, autores de Padrões de Dados Conectados, afirmam que a parte mais importante da abordagem de Dados Conectados é a adoção de identificadores em escala Web (URIs) para identificar coisas de interesse. Este estudo de caso oferece um histórico do ISSN; descreve os usos tradicionais do ISSN em bibliotecas, publicações e comunidades informacionais; discute o escopo crescente de recursos que recebem atribuição de ISSN; e elabora nos usos do ISSN no ambiente digital atual, incluindo ROAD, uma nova base de dados do ISSN de recursos acadêmicos de acesso aberto. Conclui com uma exploração do potencial do ISSN em ambientes futuros de dados conectados.

 

Palavras-chave: ISSN. Ambiente digital. Ambiente de dados.

 

Link para o texto completo em PDF:

http://revista.ibict.br/ciinf/index.php/ciinf/article/view/2358/1938

 

Biografia do Autor

Regina Romano Reynolds
Director of the United States ISSN Centre.
Publicado
2015-11-17
Seção
Resumos de artigos científicos