O campo da ciência da informação: contribuições, desafios e perspectivas

  • Januário Albino Nhacuongue
  • Edberto Ferneda

Resumo

A Ciência da Informação é um campo que ainda denota traços atinentes à sua estruturação e solidificação, por isso, ainda sofre influências externas devido ao respectivo fraco grau de autonomia. A sua gênese é atribuída à explosão informacional que caracterizou o período pós - segunda Guerra Mundial e às conferências subsequentes que visavam analisar a implementação de máquinas na transferência da informação. O seu maior contributo social é centrado na recuperação da informação mediada pela tecnologia que garante a despersonalização do conhecimento para indivíduos, grupos e sociedade, através da informação como conhecimento em ação. A área desenvolveu-se sobre um enfoque tecnológico de caráter interdisciplinar que atualmente cria as suas limitações. A informação registrada que constitui o seu objeto pela possibilidade de manipulação, também se torna uma limitação, daí a necessidade de adoção da técnica de mineração de dados para a descoberta do conhecimento em grandes volumes de dados e ampliação do universo da recuperação da informação.

 

Palavras-chave: Ciência da Informação. Tecnologia. Campo Científico. Mineração de dados. Conhecimento.

 

Link para o texto completo em PDF:

http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1932/1591

 

 

Biografia do Autor

Januário Albino Nhacuongue

Doutor em Ciência da Informação pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - UNESP, Campus de Marília. Mestre em Ciência da Informação pela UNESPLicenciado em Ciências Policiais pela Academia de Ciências Policiais de Moçambique - ACIPOL.

Edberto Ferneda
Pós-doutorado pela Universidade Federal da Paraíba .Mestre em Informática pela Universidade Federal da Paraíba Doutor em Ciências da Comunicação (Ciência da Informação) pela Universidade de São Paulo. Graduado em Processamento de Dados pela antiga Fundação Educacional de Bauru.
Publicado
2015-12-07
Seção
Resumos de artigos científicos