Migração e educação: analisando o cotidiano escolar na Região Metropolitana do Rio de Janeiro

  • Miriam de Oliveira Santos Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Resumo

O objetivo deste texto é apresentar os primeiros resultados de uma pesquisa que busca descrever e analisar a inserção escolar de migrantes/imigrantes e/ou descendentes de migrantes/imigrantes estabelecidos na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, investigando se tais processos podem acarretar inclusão ou exclusão e também sua adaptação às transformações da sociedade abrangente. Esta investigação se propõe realizar uma pesquisa básica de análise qualitativa e de caráter descritivo, que se fará por meio de revisão de literatura, análise de documentos normativos e de fontes bibliográficas primárias e secundárias, bem como de observação participante, de entrevistas a serem realizadas com os alunos, pais, equipe técnica e professores de escolas da Baixada Fluminense, e de questionários a aplicar. São os primeiros resultados de um projeto amplo, mas é possível sinalizar que migrantes, ou seus filhos, quando passam a frequentar a escola, entram, rotineiramente, em choque com os valores, comportamentos e informações que lhes são apresentados. Observamos, também, que ainda são muito poucos os estudos sobre a socialização primária de migrantes e imigrantes e as relações sociais dentro da escola.

Palavras‐chave: Educação. Culturas e Identidades.

Texto completo em: http://periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724215282014095/3122

Biografia do Autor

Miriam de Oliveira Santos, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
Doutora em Antropologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professora da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro – Brasil.
Publicado
2015-12-17
Seção
Resumos de artigos científicos