Biblioteca digital: uma evolução da biblioteca convencional

  • Carla Marques dos Santos Universidade Federal do Pará – UFPA.
  • Suelene Santana Assunção Universidade Federal do Pará – UFPA.

Resumo

A informação é indispensável na sociedade que vivemos em meio a mudanças e avanços tecnológicos. A biblioteca tradicional sofre um processo gradual e evolutivo acompanhada pelos suportes Tecnológicos da Informação e Comunicação, surge um novo conceito de biblioteca, chamada de Biblioteca Digital. O objetivo deste artigo consiste em contextualizar a evolução da instituição biblioteca, partindo das concepções de uma biblioteca tradicional até o advento da Biblioteca Digital. Para embasar teoricamente a pesquisa foi feito uso da pesquisa bibliográfica versando sobre o progresso da biblioteca relacionada às novas tecnologias, ressaltamos o papel da Biblioteca Digital como ferramenta na disseminação da informação à luz de duas Leis de Ranganathan, a saber: a quarta lei “Poupe o tempo do leitor” e na quinta lei “A biblioteca é um organismo em crescimento”. Espera-se com este trabalho ampliar a discussão sobre como se deu o processo de migração da instituição biblioteca de uma espacialidade física para uma espacialidade digital.Palavras-Chave: Biblioteca Tradicional. Biblioteca Digital. Tecnologia da Informação e Comunicação.Texto completo em: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/moci/article/view/2104/1304 

Biografia do Autor

Carla Marques dos Santos, Universidade Federal do Pará – UFPA.
Universidade Federal do Pará – UFPA. Graduanda em Biblioteconomia.
Suelene Santana Assunção, Universidade Federal do Pará – UFPA.
Universidade Federal do Pará – UFPA. Graduanda em Biblioteconomia.
Publicado
2015-12-17
Seção
Resumos de artigos científicos