Mediação da informação como prática social: os alicerces teóricos de uma pesquisa

  • Maria Giovanna Guedes Farias UFC

Resumo

Apresenta recorte teórico de tese de doutorado em Ciência da Informação, cujo objetivo se concentrou em analisar o processo de produção, implementação e avaliação de um modelo de mediação da informação, com vistas a oferecer subsídios teórico-metodológicos para promoção do protagonismo social nos moradores de uma comunidade. Nesta comunicação, evidenciam-se apenas fundamentos conceituais em torno da mediação da informação e do paradigma social da área em questão, os quais conduziram todo o caminhar dentro do campo de estudo, a exemplo de ações de informação pensadas e aplicadas para e com os sujeitos da pesquisa. Os resultados demonstram que o mediador, ao atuar em uma comunidade, pode ajudar os moradores, levando ao conhecimento dos interessados, os aspectos que envolvem alguns graus de empoderamento e a necessidade de discussão de todas as informações necessárias para se pleitear políticas, projetos e ações. Conclui-se que a informação mediada tem o poder de conduzir o sujeito ao protagonismo social, impulsionando-o a participar ativamente de processos decisórios na sociedade da informação.

Biografia do Autor

Maria Giovanna Guedes Farias, UFC
Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Bahia, Brasil.Professora do Departamento de Ciências da Informação da Universidade Federal do Ceará, Brasil.
Publicado
2015-12-17
Seção
Artigos de revisão