A colaboração científica na pesquisa sobre coautoria: um método baseado na análise de redes

  • Ricardo Barros Sampaio FIOCRUZ
  • Helena Célia de Souza Sacerdote
  • Bruna de Paula Fonseca Fonseca
  • Jorge Henrique Cabral Fernandes

Resumo

O presente trabalho apresenta um metodologia para o estudo da comunicação científica derivado dos métodos de análise de redes. São analisadas as relações profissionais de colaboração científica entre autores que utilizam a coautoria, uma nova subárea da comunicação científica que vem ganhando espaço na ciência da informação. Na coautoria, dois autores quaisquer são definidos como tendo um relacionamento caso tenham colaborado na produção de um artigo ou publicação científica. O artigo investiga se tal associação permite entender as problemáticas da colaboração científica, como por exemplo, se o conhecimento está concentrado em alguns poucos países ou indivíduos, e como esses indivíduos se relacionam. A metodologia desenvolvida se baseia no modelo exploratório proposto por Nooy, Mrvar e Batagelj (2011). Do ponto de vista da bibliometria, foram analisadas as colaborações científicas na base de dados Web of Science. Os resultados alcançados demonstraram que a pesquisa sobre coautoria se espalha por diversos países e por diferentes áreas de interesse. Observa-se que a associação dos métodos de bibliometria e análise de redes contribui para uma melhor interpretação de resultados, principalmente por meio da inspeção visual que a análise de redes proporciona.

Palavras-Chave: Coautoria; Colaboração científica; Análise de redes

 

Link: http://www.scielo.br/pdf/pci/v20n4/1413-9936-pci-20-04-00079.pdf

Biografia do Autor

Ricardo Barros Sampaio, FIOCRUZ
Doutor - Faculdade de Ciência da Informação de Brasília.Grupo de Pesquisa em Inteligência Cooperativa em Redes Sociais ComplexaPesquisador - Fundação Oswaldo Cruz - DIREB
Publicado
2016-07-27
Seção
Resumos de artigos científicos