Processo de comunicação científica no campo da Defesa Nacional no Brasil: bases teóricas para o desenvolvimento da pesquisa

Autores

  • Jaqueline Santos Barradas Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2016v11n2.31096

Resumo

Discorre sobre o aporte teórico que embasou a tese de doutorado, cujo objetivo geral  foi  identificar o processo de comunicação científica no campo acadêmico-científico da Defesa Nacional, ressaltando quais ações contribuíram para a constituição e a institucionalização deste campo no Brasil. Trata-se de um estudo exploratório em que se identificou e analisou a produtividade científica dos docentes inseridos nos programas de pós-graduação em Ciência Política e Relações Internacionais, com áreas de concentração e linhas de pesquisa em Defesa e Segurança no Brasil, no triênio 2010-2012. Para tanto se investigaram os componentes básicos da Comunicação Científica relativos aos programas de pós-graduação, considerando a produtividade dos docentes, contabilizados a partir da frequência de suas publicações por ano; tipo de publicação; programa de pós-graduação; padrão de autoria; endogenia e a publicação em canais de comunicação no Brasil e no exterior. Os resultados apresentam uma produção científica correspondente a um campo de conhecimento em construção, que necessita de investimentos e fomento, além de demonstrar seu potencial de crescimento e as conquistas até o momento.

Biografia do Autor

Jaqueline Santos Barradas, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

Professora Adjunta da Escola de Biblioteconomia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO); Doutora em Ciência da Informação (IBICT- UFRJ, 2015)

Downloads

Publicado

2016-11-07

Edição

Seção

Artigos de revisão