A colaboração científica nas áreas de informação no Brasil (1972-2013)

  • Jayme Leiro Vilan Filho Universidade de Brasília - UnB

Resumo

A colaboração entre cientistas é um indicador relacionado com a produção científica e normalmente ambos podem ser obtidos de bases de dados bibliográficos usadas como fontes de informação para tomada de decisão de gestores de Ciência, Tecnologia & Inovação, autores, editores, cientistas e estudantes. Estudos anteriores proporcionaram uma visão da produção e da colaboração científica brasileira nas áreas de informação até 2010 e o presente estudo atualiza as informações sobre estes assuntos até 2013 usando recursos da bibliometria. Foram feitos dois tipos de análises de frequência relacionadas com os artigos de periódicos e os trabalhos do Encontro da Associação Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação (ENANCIB): 1) níveis de produção, e 2) níveis de autoria múltipla (indicador parcial de colaboração científica). O universo foram referências de 7.018 artigos de periódicos (1972-2013) e de 2.414 trabalhos de ENANCIB (1994-2013) extraídas da base ABCDM (FCI/UnB). Tais dados foram analisados no SPSS e as tabelas e gráficos foram elaborados no MS-Excel. Foi confirmada a tendência de crescimento da produção de artigos de periódicos e trabalhos de evento com patamares anuais de produção próximos de 500 artigos (2011) e cerca de 300 trabalhos de ENANCIB (2012-2013). Os gráficos sugerem a existência de correspondência sincrônica entre os dois canais medidos com prevalência de autoria múltipla nos trabalhos de ENANCIB a partir de 2005 e nos artigos de periódicos a partir de 2010.

Palavras-chave: Bibliometria. Brasil. Ciência da Informação. Comunicação científica. Colaboração científica.

Link: http://periodicos.unb.br/index.php/RICI/article/view/16959

 
Publicado
2017-06-21
Seção
Resumos de artigos científicos