Para uma política de informação no ciberespaço: avanços, perspectivas e desafios

  • Jakeline Amparo Villota Enríquez Universidade Federal da Bahia
  • Mardochée Ogécime Universidade Federal de Minas Gerais
  • Maribel Deicy Villota Enríquez Universidade Federal de São Carlos
  • Heriberto González Valencia Universidad Santiago de Cali

Resumo

O presente artigo consiste em descrever e analisar as políticas de informação do ciberespaço, tanto global como regionalmente, em diversas direções: programas, resoluções, projetos do setor informacional. Igualmente, se apresenta um panorama das mesmas na região Latino-Americana e o Caribe. Mediante uma análise documental da literatura relacionada com o tema, o artigo se fundamenta numa revisão de literatura levantada a partir de materiais científicos como: livros, teses, dissertações, textos em sites da Internet e artigos, e resoluções, relatórios, projetos e decretos que abordam dita temática. Com isso, conceituar o ciberespaço e caracterizar seus elementos, dimensões, estratégias e variações, analisar as políticas de informação do ciberespaço, partindo do cenário global para relacioná-lo, finalmente, com o da região da America Latina e do Caribe, com a ideia de abordar melhor a questão. As políticas de Informação do Ciberespaço experimentam um menor e lento progresso em matéria de cibersegurança; resultantes do obstáculo da cooperação internacional definido pelas ambições díspares de cada Estado ou região.

Palavras-chave: Políticas de informação. Ciberespaço. Cibersegurança. Cibersociedade.

Link: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8647632

Biografia do Autor

Jakeline Amparo Villota Enríquez, Universidade Federal da Bahia
Possui graduação em Licenciatura en Matemáticas - Universidad Del Cauca (2013); Mestra em Ensino, Filosofia e História das Ciências - Universidade Federal da Bahia (2016). Experiência na área de Educação Matemática.
Mardochée Ogécime, Universidade Federal de Minas Gerais
Possui graduação em Ingenería Informática - Universidad Tecnologica de Santiago (2012); Especialização em Administração de Projetos ? CBTech, Venezuela (2014); Mestrado em Ciência da Informação ? Universidade Federal da Bahia (2016); é Mestrando em Gestão de Recursos Humanos - Escuela de los Graduados de la Universidad Tecnológica de Santiago (2013-...); Doutorando em Ciência da Informação - Universidade Federal de Minas Gerais (2017-...). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Planificação, Direção e Execução de projetos e Recursos Humanos; Auditoria de Qualidade em Indústria Têxtil; Docência em Informática, Políticas e Infraestrutura da Informação; Interpretação e Tradução de Idiomas Estrangeiros; Consultoria em Informática e Políticas das Tecnologias de Informação e Comunicação.
Maribel Deicy Villota Enríquez, Universidade Federal de São Carlos
Antropóloga - estudante do programa de engenharia física da universidade do Cauca, Colômbia, VIII semestre. Membro do grupo de pesquisa, núcleo interdisciplinar de estudos e pesquisas em gerontologia social ? NIEPGS ? Brasil, e do grupo de pesquisa em Estudos sociais e comparativos ?GESC ? Colômbia, departamento de antropologia. Estudante de mestrado em Ciência, Tecnologia e Sociedade da Universidade Federal de São Carlos, São Paulo. Brasil. Beca OEA-GCUB 2016-2018, bolsista CAPES. Orientador Wilson José Alves Pedro, professor Adjunto IV do Departamento de Gerontologia da Universidade Federal de São Carlos. Coordenador do Programa de Pós-Graduação Ciência, Tecnologia e Sociedade Mestrado e Doutorado (2014-2017).
Heriberto González Valencia, Universidad Santiago de Cali
  • Professor / Pesquisador ( Valle )     
Publicado
2018-06-28
Seção
Resumos de artigos científicos