A Gestão por competências como ferramenta para contenção da rotatividade de estagiários em empresas de pesquisa

  • Herickson Akihito SudoLutif Universidade de São Paulo (USP)

Resumo

O objetivo deste trabalho é elaborar propostas de melhorias na contratação de estagiários nas empresas de pesquisa com o fim de evitar o aumento na taxa de rotatividade. Estudou-se a relação do analfabetismo funcional com as taxas de rotatividade de estagiários. Foram demonstradas considerações importantes que podem dar excelentes resultados tanto na contenção da taxa de rotatividade em empresas de pesquisa quanto na qualidade de formação de estágio, principalmente no que tange ao Programa de Treinamento Continuado. Propõe-se aqui um questionário para que no Processo Seletivo de estagiários criem-se melhores condições de conhecer os candidatos a estágio para efeito de uma proposta de treinamento contínuo e levantamento de competências dos candidatos a estágio. Verificou-se que poderiam ser implementadas a compatibilização do perfil do estagiário com o perfil da empresa.Palavras-chave: Estagiário. Perfil. Rotatividade. Treinamento.

Link: http://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/archeion/article/view/34552/pdf

Biografia do Autor

Herickson Akihito SudoLutif, Universidade de São Paulo (USP)
Assistente em Administração na Universidade de São Paulo (USP). MBA Executivo em Gestão de Pessoas pela Faculdade Unyleya (wPós)
Publicado
2018-10-20
Seção
Resumos de artigos científicos