A bibliometria e as novas atribuições profissionais em bibliotecas universitárias

  • Samile Andrea de Souza Vanz Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.
  • Dirce Maria Santin Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.
  • Caterina Marta Groposo Pavão Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.

Resumo

O avanço tecnológico e o contexto acadêmico em rápida transformação têm gerado novas demandas informacionais e promovido a reconfiguração dos serviços em bibliotecas universitárias do mundo todo. As funções tradicionais cedem espaço ao surgimento de novas atribuições, adaptadas à agilidade tecnológica, ao ecossistema dinâmico de informação e às novas demandas dos usuários no contexto acadêmico. Este artigo discute os novos papéis das bibliotecas universitárias e o uso da bibliometria como estratégia para o desenvolvimento das bibliotecas acadêmicas. Com base na literatura e em exemplos de unidades de informação que oferecem serviços de bibliometria, atenta-se para as atribuições emergentes nas bibliotecas universitárias e para as novas possibilidades de atuação profissional. Alguns serviços de bibliometria voltados à avaliação institucional, ao apoio ao pesquisador e à formação de competências são apresentados ao final, incentivando seu oferecimento em bibliotecas universitárias brasileiras. Conclui-se que a bibliometria é um importante espaço de trabalho para o bibliotecário e um recurso estratégico para o desenvolvimento das bibliotecas universitárias e suas instituições, podendo ter reflexos significativos sobre o planejamento e avaliação institucional.

Palavras-chave: Bibliometria. Bibliotecas universitárias. Serviços de informação.

Link: https://www.revistas.usp.br/incid/article/view/137741 

 

Publicado
2018-11-16
Seção
Resumos de artigos científicos