Estudo de usuários para o desenvolvimento das atividades nas bibliotecas do Instituto Federal da Bahia.

  • Andréia Santos Ribeiro Silva IFBA
  • Marcia Ferreira Lima UFBA

Resumo

Neste artigo apresentamos um estudo de usuários desenvolvido nas bibliotecas do Instituto Federal da Bahia com o objetivo de investigar o perfil da comunidade acadêmica e conhecer as suas necessidades de informação além das atividades realizadas nas bibliotecas que contribuam para o desenvolvimento da competência em informação nos usuários. Aponta a importância do estudo de usuários como um canal de comunicação entre a comunidade e a biblioteca, trazendo o modelo de comportamento de busca e uso da informação desenvolvido por Kuhlthau (1991), que representa o processo de construção de sentidos. O método se caracteriza como um estudo de caso, que utilizou questionário online com a abordagem de tratamento dos dados quali-quantitativa. Traz, como resultados, que a informação é a condição necessária para o indivíduo adquirir conhecimentos, e a biblioteca é o local apropriado para fomentar programas para o desenvolvimento de habilidades informacionais. Desse modo, precisa ocorrer maior envolvimento por parte dos profissionais da informação no que tange ofertar produtos e serviços que satisfaçam a relação de usuários com as bibliotecas.

Palavras-chave: Estudo de usuários. Competência em informação. Instituto Federal da Bahia.

LInk: http://www.periodicos.ufc.br/informacaoempauta/article/view/31434/72970

Biografia do Autor

Andréia Santos Ribeiro Silva, IFBA
Bibliotecária do Instituto Federal da Bahia (IFBA). Mestra em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).
Marcia Ferreira Lima, UFBA
Graduanda em Biblioteconomia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).
Publicado
2018-12-05
Seção
Resumos de artigos científicos