Informação e Memória: aproximações teóricas e conceituais

  • Ana Pricila Celedonio da Silva Universidade Federal do Ceará
  • Lidia Eugenia Cavalcante Universidade Federal do Ceará
  • Jefferson Veras Nunes Universidade Federal do Ceará

Resumo

Objetiva apresentar, por meio de revisão de literatura, os conceitos e as relações existentes entre os termos Informação e Memória na Ciência da Informação (CI), a partir dos paradigmas Físico, Cognitivo E Social de Rafael Capurro (2003) e dos estudos ligados ao tema Memória, baseados em autores como: Halbwachs (1990); Nora (1993); Le Goff (2003) e Bergson (1999), por meio dos quais foi possível identificar os enlaces existentes entre os dois termos, através das concepções material, cognitiva e coletiva da Memória. A reflexão no âmbito da CI e da Memória, teve como elementos norteadores, principalmente, os paradigmas Custodial e Pós-Custodial apresentados por Malheiro e Ribeiro (2011). Nesses paradigmas, a relação entre a CI e a Memória se evidencia desde as antigas práticas custodiais ligadas aos campos da Biblioteconomia, Arquivologia e Museologia, e a criação da Documentação, campo que antecedeu a CI. Nesse sentido, reflete-se que a Memória transita pelo campo da Informação e áreas correlatas, desde muito tempo, e se apresenta hoje como objeto de estudo da área através de olhar informacional sobre a mesma. Palavras-chave: Informação e Memória. Paradigmas da Ciência da Informação. Elementos norteadores da Informação e da Memória. Link: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/1518-2924.2017v23n52p95
Publicado
2018-12-05
Seção
Resumos de artigos científicos