Visibilidade e prestígio na construção da rede colaborativa dos docentes de medicina veterinária da Universidade Federal de Alagoas: um olhar a partir do conceito de capital simbólico de Pierre Bourdieu

  • Jorge Raimundo da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Maria das Graças Targino Universidade Federal da Paraíba

Resumo

A lógica da produção científica configura-se como espécie de competição entre os pesquisadores para a obtenção da autoridade científica e do prestígio ou do capital simbólico e, decerto, a colaboração científica contribui para este fim. Analisa-se, assim, a rede colaborativa e a visibilidade da produção de artigos dos docentes do curso de medicina veterinária da Universidade Federal de Alagoas na Web of Science e na Scopus. O pressuposto teórico fundamenta-se no conceito de capital simbólico de Pierre Bourdieu. Para a consecução do objetivo, a pesquisa configura-se como de natureza quali-quantitativa de cunho descritivo, recorrendo-se à pesquisa bibliográfica e à pesquisa documental para a coleta de dados disponibilizados nos respectivos currículos Lattes. Após a quantificação da produção científica, a rede colaborativa é representada por grafos, utilizando-se o software Ucinet. Dentre os resultados centrais, constata-se que o autor mais produtivo mantém a maior interação com seus pares, denotando que sua rede colaborativa é a mais expansiva. Ao contrário do esperado, os dois primeiros docentes mais produtivos não são os mais citados, e, sim, o terceiro e o quarto mais produtivos, o que lhes concede maior visibilidade e prestígio dentre os pares e na comunidade científica como um todo. Infere-se, então, que os docentes da área estudada, em geral, mantêm interação com relações interinstitucionais intensas.

Palavras-chave: Rede Colaborativa. Capital Simbólico (Pierre Bourdieu). Análise de Redes Sociais. Medicina veterinária – produção científica. Universidade Federal de Alagoas – produção científica.

Link: http://www.seer.ufal.br/index.php/cir/article/view/4657/3880

Biografia do Autor

Jorge Raimundo da Silva, Universidade Federal de Alagoas

Mestre em Ciência da Informação
Bibliotecário do Sistema de Bibliotecas

Maria das Graças Targino, Universidade Federal da Paraíba

Doutora em Ciência da Informação
Professora do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação

Publicado
2019-02-18
Seção
Resumos de artigos científicos