Gestão do conhecimento e orientação acadêmica: inter-relações

  • Rosilene Moreira Coelho de Sá Universidade Federal de Minas Gerais
  • Cláudio Paixão Anastácio de Paula Universidade Federal de Minas Gerais

Resumo

Introdução: A produção técnico-científica só se torna possível através da interveniência, ainda que não consciente ou não nomeada, de vários aspectos da gestão do conhecimento (GC). Este artigo de revisão foi elaborado a partir da pesquisa de mestrado que estudou a gestão do conhecimento e o processo de orientação de discentes de pós-graduação stricto sensu. Objetivo: Apresentar a gestão do conhecimento entendida como a gestão da partilha de conhecimentos, e evidenciar que a gestão do conhecimento não é uma prática restrita às organizações. Metodologia: Apresenta os elementos essenciais de uma revisão de literatura do tipo narrativa desenvolvida com base no trabalho de fundamentação teórica da pesquisa que culminou com a elaboração da dissertação “Compartilhamento do conhecimento e o processo de orientação de discentes de pós-graduação stricto sensu” (SÁ, 2015). Foram identificados artigos sobre a gestão do conhecimento no âmbito científico e acadêmico, bem como artigos sobre orientação acadêmica para, então, analisar a inter-relação destes dois temas. Os artigos foram coletados e analisados entre agosto de 2014 e julho de 2017. O presente estudo utilizou como fontes o Portal de Periódicos da Capes, a Base de Dados em Ciência da Informação (BRAPCI), o Repositório Acadêmico de Biblioteconomia e Ciência da Informação (RABCI), o Portal Brasileiro de Publicações Científicas em Acesso Aberto (OASISBR). Resultados: Destaca o quão pouco a gestão do conhecimento é discutida para o uso no meio acadêmico e científico. Conclusões: Observa que a gestão do conhecimento está presente na orientação acadêmica no momento em que cientistas e pesquisadores compartilham e usam informações para a criação de novos conhecimentos. Ou seja, o exercício da construção intelectual científica e, consequentemente, das orientações acadêmicas é indissociável da gestão conhecimento. Destaca que a gestão do conhecimento aplicada à orientação destina-se a promover a disseminação das melhores práticas da orientação acadêmica e propiciar o desenvolvimento de habilidades dos orientadores em ajudar seus orientandos a criar novos conhecimentos a partir do compartilhamento e uso do aprendizado nas orientações.

Palavras chave:  Gestão do conhecimento. Orientação acadêmica. Colaboração científica.

Link:http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/informacao/article/view/23209/24212

Biografia do Autor

Rosilene Moreira Coelho de Sá, Universidade Federal de Minas Gerais
aDoutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais (PPGCI-UFMG).
Cláudio Paixão Anastácio de Paula, Universidade Federal de Minas Gerais
Doutor em Psicologia Social pela Universidade de São Paulo (USP). Professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
Publicado
2019-03-07
Seção
Resumos de artigos científicos