Acesso à informação em imagens de campanhas publicitárias do ministério da saúde

Resumo

Este artigo tem o objetivo de investigar o fator humano de usuários ouvintes e surdos diante da informação visual das imagens dispostas em cartazes de campanhas publicitárias veiculadas pelo Ministério da Saúde (MS) do governo brasileiro. O MS é o órgão responsável pela promoção da saúde da população, encarregado pela organização de planos e políticas voltadas à produção e divulgação de campanhas de prevenção a enfermidades. A escolha pelos grupos de usuários se deu tanto pela proximidade das pesquisadoras com a comunidade surda, quanto por buscar o conhecimento sobre o comportamento destes indivíduos. A metodologia utilizada foi a observação participativa para o grupo de ouvintes e a entrevista para o grupo de surdos. Como resultado principal do estudo pode-se afirmar que os dois grupos tiveram percepções semelhantes em relação a algumas campanhas, havendo coincidências. Os achados são parte de uma pesquisa de doutorado em andamento.

Biografia do Autor

Sylvana Karla da Silva de Lemos Santos, Instituto Federal de Brasília, Campus Brasília.
Mestre em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Pernambuco. Doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília. Docente de Informática do Instituto Federal de Brasília, Campus Brasília, Brasil.
Publicado
2019-04-01
Seção
Pesquisas em andamento