Políticas educacionais de acesso e de permanência de pessoas com deficiência no município de Santa Maria de Jetibá

  • Mariangela Lima de Almeida Universidade Federal do Espírito Santo
  • Andressa Mafezoni Caetano Universidade Federal do Espírito Santo
  • Mariana Karoline Dias Coelho Estevam Secretaria de Educação do Estado do Espírito Santo

Resumo

Este artigo discute as políticas educacionais voltadas para educação especial, no que se refere às diretrizes e ações para inclusão escolar de alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação no ensino regular do Município de Santa Maria de Jetibá/ES. Problematiza a processualidade das políticas educacionais de acesso e de permanência no município em tela, com vistas a analisar as legislações, os projetos e/ou planos de trabalho dos setores e os índices educacionais relativos à escolarização de alunos público-alvo da educação especial. A partir dos dados coletados, analisa-se a relação entre os objetivos, focos de intervenções, concepções e ações da gestão implementadas pelo setor da educação especial. Busca-se um diálogo com autores da área para articulação de conceitos e concepções. Utiliza-se o estudo de caso do tipo etnográfico como perspectiva metodológica para estratégias de coleta de dados, a análise documental, grupos focais e entrevistas. Observa-se que o município tem buscado elaborar estratégias para alcançar o maior número de alunos com deficiência e conseguir a sensibilidade de todos os sujeitos envolvidos nesse processo para um efetivo trabalho de inclusão. Os desdobramentos das políticas educacionais, voltadas para os atendimentos aos alunos público-alvo da Educação Especial, têm enfatizado a formação continuada como elemento disparador de construção de políticas e práticas.Palavras-chave: Educação especial. Gestores públicos. Formação continuada. Pesquisa-ação.Link: http://revista.ibict.br/inclusao/article/view/4077/3589

Biografia do Autor

Mariangela Lima de Almeida, Universidade Federal do Espírito Santo
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) - Vitória, ES - Brasil. Professora da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) - Brasil.
Andressa Mafezoni Caetano, Universidade Federal do Espírito Santo
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) - Vitória, ES - Brasil. Professora da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) - Brasil.
Mariana Karoline Dias Coelho Estevam, Secretaria de Educação do Estado do Espírito Santo
Especialização em Alfabetização e Letramento pela Faculdade de Tecnologia São Francisco (FATESF) - Brasil. Pedagoga da Secretaria de Educação do Estado do Espírito Santo (SEDU/ES) - ES - Brasil.
Publicado
2019-03-16
Seção
Resumos de artigos científicos