Cartas: um acervo de memória afetiva e histórica e a importância de sua preservação

  • Nicole Marinho Horta Universidade Federal de Minas Gerais
  • Débora de Almeida Dias Universidade Federal de Minas Gerais.
  • Luciana Coutinho Cordeiro Universidade Federal de Minas Gerais.

Resumo

O papel das cartas no desenvolvimento da comunicação como fonte informacional para além de sua propriedade como fonte biográfica; as potencialidades do seu estudo e o valor de sua conservação, classificação e a disseminação das informações nelas contidas são temas desse artigo. Para evidenciá-los foram desenvolvidas: uma entrevista com uma bibliotecária conhecedora do acervo do musicólogo alemão radicado no Uruguai, Francisco Curt Lange – depositado na Biblioteca Universitária (BU) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – e a análise documental de parte desse mesmo acervo. A análise teve como foco a série “2 – Correspondência”, que contém cópias das cartas enviadas por ele e cartas originais recebidas de terceiros que tratam de assuntos variados. No trabalho, são discutidos conceitos que se situam entre as áreas da arquivologia, biblioteconomia e museologia, temas como: acervos pessoais, classificação, preservação e, também, a importância dos profissionais da área da ciência da informação facilitadores do acesso às informações contidas nesse tipo de documento. Finalmente é destacada a problemática da preservação e conservação desses documentos que, embora não sejam oficiais, são ricas fontes de informações sobre o contexto histórico e, justamente por isso, são objeto de estudo de diversas áreas.

Palavras-chave: Acervo pessoais. Cartas. Francisco Curt Lange. Preservação.

Link: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/moci/article/view/3635/2100

Biografia do Autor

Nicole Marinho Horta, Universidade Federal de Minas Gerais
Bacharel e licenciada em história - Uni-BH, especialista em mídias na educação - UFOP. Graduanda em biblioteconomia - UFMG. Estagiária na biblioteca da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas – FAFICH da UFMG.
Débora de Almeida Dias, Universidade Federal de Minas Gerais.
Graduanda em Biblioteconomia pela UFMG.
Luciana Coutinho Cordeiro, Universidade Federal de Minas Gerais.
Graduada em Letras - Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais. Graduanda em Biblioteconomia pela UFMG.
Publicado
2019-03-16
Seção
Resumos de artigos científicos