Prosumers e redes sociais como fontes de informação mercadológica: uma análise sob a perspectiva da inteligência competitiva em empresas brasileiras

  • Lidiany Kelly da Silva Marques Universidade Fumec
  • Frederico Vidigal Universidade Fumec

Resumo

A Internet e a Web 2.0 modificaram a forma como as pessoas obtêm informação e se relacionam no meio em que vivem. É nesse contexto que as redes sociais surgem como uma fonte de informação indispensável no processo de inteligência ampla, acessível e de baixo custo, que precisa ser mais bem entendida e explorada, pois pode gerar vantagem para a empresa. Este estudo tem por objetivo verificar como as redes sociais são utilizadas na fase de coleta de informações com foco em inteligência competitiva. Procurou-se propor um modelo analítico-conceitual de verificação dessas redes sociais como fontes de informações. Para tanto, realizou-se uma pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, a partir de entrevistas orientadas por um roteiro semiestruturado, abarcando cinco empresas nacionais, de segmentos e portes distintos, que exercem a atividade de Inteligência Competitiva. Para a análise dos dados, elegeu-se a técnica de análise de conteúdo, e para a sistematização das informações foi utilizado o software Atlas.ti. Os resultados demonstraram que as empresas estão atentas às redes sociais como fontes de informação, pois reconhecem sua importância, principalmente pelo contato direto com os prosumers, e destacam a necessidade de sua verificação, considerando o modelo proposto como muito importante e viável para a triagem das informações mercadológicas.

Palavras-chave: Fontes de informação. Inteligência competitiva. Prosumers. Redes sociais.

Link: http://www.scielo.br/pdf/tinf/v30n1/2318-0889-tinf-30-1-0001.pdf

Biografia do Autor

Lidiany Kelly da Silva Marques, Universidade Fumec

Mestre em Administração. Faculdade de Ciências Empresariais, Programa de Mestrado em Administração da Fumec.

Frederico Vidigal, Universidade Fumec
Faculdade de Ciências Empresariais, Programa de Mestrado em Administração da Fumec.
Publicado
2019-06-05
Seção
Resumos de artigos científicos