Metodologias ativas: uma ação colaborativa para a formação de multiplicadores

  • Sílvio Luiz de Paula Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • Mariana Cavalcanti Falcão de Albuquerque Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • Brunna Carvalho Almeida Granja Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • Claudinete de Fátima Silva Oliveira Santos Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Resumo

A partir dos princípios das metodologias ativas enquanto norteador de uma prática pedagógica, este trabalho teve como objetivo descrever as fases de uma ação colaborativa de formação de multiplicadores realizada no curso de Gestão da Informação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Na busca do alcance do objetivo, a problematização do referencial teórico dissertou sobre as metodologias ativas com a perspectiva da sala de aula invertida, considerada pelos autores como um dos métodos que mais se aproximou da experiência, e sobre a formação de multiplicadores como forma de materialização da ação. Na metodologia, com abordagem qualitativa, realizou-se observação da prática. Participaram da ação discentes de graduação e pós-graduação da UFPE e de outras Instituições de Ensino Superior, além de docentes de diferentes cursos da UFPE. Os resultados demostraram que ao longo de sete meses foi possível desenvolver de forma co-criativa um processo de aprendizagem baseado na empatia, na colaboração e na experimentação. Entendendo as diferentes facetas das metodologias ativas a partir de uma prática, apresentando potencialidades para uso em diferentes contextos.

Palavras-Chave: Metodologias Ativas; Formação de Multiplicadores; Gestão da Informação.

link: http://abecin.org.br/portalderevistas/index.php/rebecin/article/view/126/pdf

Biografia do Autor

Sílvio Luiz de Paula, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Autor de livro, possui mestrado e graduação em administração pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE. Atualmente é professor de Gestão da Informação no Departamento de Ciência da Informação na Universidade Federal de Pernambuco-UFPE. Tem experiência na área de administração, com ênfase em gestão de pessoas, comunicação organizacional, responsabilidade social, comportamento organizacional e mediação da informação.
Mariana Cavalcanti Falcão de Albuquerque, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Professora Adjunta do Departamento de Hotelaria e Turismo (DHT) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Doutora e mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da UFPE. Graduada em Hotelaria pela UFPE. Desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão nos seguintes temas: Metodologias ativas para educação, História do Turismo, Turismo de Base Comunitária, Inovação em Hotelaria e Turismo, Governança de Destinos Turísticos e Turismo Rural na Agricultura Familiar. Coordenadora do Laboratório de Estudos Turísticos (LETs), grupo de pesquisa vinculado CNPQ.
Brunna Carvalho Almeida Granja, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Professora do Departamento de Ciências Administrativas da Universidade Federal de Pernambuco (DCA-UFPE) é Doutora em Educação, e Mestra em Administração pela UFPE. Possui qualificação técnica na área de TURISMO pelo Centro Federal de Ensino Tecnológico de Pernambuco (IFPE) e graduação em ADMINISTRAÇÃO pela Universidade de Pernambuco (FCAP-UPE). É sócia fundadora do OLÉ - INSTITUTO DE GESTÃO E PROJETOS ESPORTIVOS, CULTURAIS E DE LAZER. Tem experiência na área de gestão pública, onde atuou durante 06 anos e, tem interesse em pesquisas nos seguintes temas: Administração Pública, Gestão de políticas públicas, Política e Planejamento Governamental e, Avaliação de Políticas Públicas. 
Claudinete de Fátima Silva Oliveira Santos, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Doutoranda Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
Publicado
2019-06-05
Seção
Resumos de artigos científicos