Memória e inovação: uma aproximação necessária

  • Cezar Karpinski Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Ana Clara Cândido Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Resumo

Este ensaio desenvolve reflexões iniciais acerca de uma aproximação entre memória e a inovação.
A discussão partiu da seguinte pergunta: como as experiências organizacionais do passado podem auxiliar
em processos inovadores nas organizações? O objetivo geral é identifcar as aproximações entre o conceito
de memória e suas aplicações em organizações que buscam inovar em processos, produtos ou serviços.
Do ponto de vista metodológico, trata-se de estudo exploratório, tanto no âmbito teórico, quanto da revisão de literatura. Os resultados apontam para potencialidade do diálogo teórico interdisciplinar, para a necessidade das organizações constituírem políticas de memória organizacional e para a importância dos arquivos nas organizações.


Palavras-chave: Gestão da Informação. Preservação da informação. Memória organizacional. Memória.
Inovação.

Link: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/4742/4169

Biografia do Autor

Cezar Karpinski, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutor em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Florianópolis, SC - Brasil.
Professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Brasil.

Ana Clara Cândido, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Pós-Doutorado pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (FURB) - Brasil.
Doutora em Avaliação de Tecnologia pela Universidade Nova de Lisboa (FCT-UNL) - Portugal.
Professora da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – SC - Brasil.
Pesquisadora Associada no Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais da Universidade Nova de Lisboa
(CICS.NOVA ) - Portugal.

Publicado
2019-11-25
Seção
Resumos de artigos científicos