Os diferentes conceitos de dados de pesquisa na abordagem da biblioteconomia de dados

  • Alexandre Ribas Semeler
  • Adilson Luiz Pinto

Resumo

A palavra dados significa uma peça única de informação. Os dados de pesquisa são o resultado de qualquer investigação sistemática que envolva processos de observação, experimentação ou simulação de procedimentos de pesquisa científica. Os estudos sobre dados de pesquisa em biblioteconomia têm origem na metade dos anos 2000. São o resultado do empenho de bibliotecários norte-americanos, britânicos e canadenses em criar serviços e produtos de divulgação, de consultoria, de gerenciamento, preservação e elaboração de esquemas de metadados para efetiva incorporação de dados de pesquisa em coleções de documentos (livros, artigos, relatórios, entre outros). O objetivo deste ensaio é delimitar o conceito de dados de pesquisa e relacioná-lo às diversas disciplinas científicas, ressaltando sua atual relevância para consolidação de uma biblioteconomia orientada ao uso de dados. Está fundamentado na visão do que significam dados de pesquisa para as ciências sociais e para as ciências exatas. Por fim, conclui-se que a ciência com uso intensivo de dados institui nova dimensão para os bibliotecários, a biblioteconomia de dados. Logo, o bibliotecário de dados precisa aprender mais a ciência orientada a dados. A tarefa essencial dos bibliotecários de dados será a de transformar suas atividades quotidianas em bibliotecas, inserindo os dados de pesquisa no contexto da geração de serviços e produtos de informação científica.

Palavras-chave: Dados de pesquisa; Dados de pesquisa disciplinares; Biblioteconomia de dados; Bibliotecário de dados

Link: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/4461

Biografia do Autor

Alexandre Ribas Semeler

Pós-Doutorado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Brasil. Doutor em Ciência da
Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) – SC - Brasil. Bibliotecário de Dados
e Gerente de Rede da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) - Porto Alegre, RS – Brasil.
http://lattes.cnpq.br/1564154234554393

Adilson Luiz Pinto

Pós-Doutorado pelo Institut de Recherche en Sciences de l´Information et de la Communication (IRSIC)
- França. Doutor em Documentación pela Universidad Carlos III de Madrid (UC3M) - Espanha. Professor
da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Florianópolis, SC – Brasil.
http://lattes.cnpq.br/4767432940301118

Publicado
2019-12-11
Seção
Resumos de artigos científicos