Estado da arte sobre análise de domínio no campo da Ciência da Informação brasileira

Resumo

Este artigo apresenta o estado da arte sobre a produção do conhecimento referente à Análise de Domínio na Ciência da Informação delimitada no âmbito das pesquisas brasileiras. Foram analisados 45 documentos (contando com a exclusão da duplicidade dos registros encontrados nas bases), classificados em artigos de periódicos, teses de doutorado, dissertações de mestrado, comunicações orais do ENANCIB e publicações de outra natureza com data de publicação entre 2013 e 2018. As busca s das publicações foram realizadas por meio da identificação dos descritores em português “Análise de domínio” e “Ciência da Informação” e em inglês “Domain analysis” e “Information Science” no resumo, título, palavras-chave . Para a análise dos documentos, utilizou -se as onze abordagens ou ferramentas de análise, estabelecidas por Hjørland (2002) na definição de um domínio para classificar os trabalhos e facilitar o entendimento do uso dos fundamentos teórico-metodológicos da Análise de Domínio dos documentos recuperados. Conclui que as pesquisas encontradas demonstraram uma forte tendência para os estudos bibliométricos da análise de domínio (com ferramentas de análise de citação, cocitação, coocorrência e análise de redes) e para as técnicas de organização e representação do conhecimento. Recomenda-se a utilização do método de análise de domínio na construção dos Sistemas de Organização do Conhecimento, principalmente na elaboração de classificações especiais em domínios da Ciência da Informação.   Palavras-chave: Organização do Conhecimento. Análise de domínio. Estado da arte. Ciência da Informação.
Publicado
2020-03-29
Seção
Resumos de artigos científicos