Por causa do novo Coronavírus: Contribuições da Biblioteconomia

Resumo

Por causa do novo coronavírus, também com a COVID-19, estamos incorporando novas palavras e conceitos em nosso cotidiano, devidamente apropriadas na linguística. No ambiente do “novo normal, achatar a curva, assintomático, comorbidade, transmissão comunitária, imunidade de rebanho, lockdown, quarentena, distanciamento social, live e home office”, além de outros termos, constitui um glossário corriqueiro e assimilado pela sociedade. Tempos de crise costumam ser acompanhados por salto na inovação intelectual e tecnológica, conforme voltamos o olhar para as duas guerras mundiais e na pandemia por causa do novo coronavírus. A revisão da literatura a partir da pesquisa bibliográfica em base de dados editoriais, relacionados na área de infografia, especialmente no contexto de produção de documentos descritivos, revela a quase inexistência de material produzido. Com os desdobramentos ocorridos com fechamento de instituições culturais, como museu e biblioteca, noticiário diário com a temática da pandemia e o isolamento social, a opção da pesquisa foi direcionada para órgãos e entidades de divulgação informacionais contendo infográficos. Pode-se considerar que a pesquisa exploratória, realizada em formato virtual e remoto apresenta resultados que justificam o tratamento técnico e teórico relacionado com o efeito causado pelo coronavírus e/ou COVID-19, sem objetivo de comparação

Biografia do Autor

Francisco Carlos Paletta, USP

Universidade de São Paulo, Escola de Comunicações e Artes. Departamento de Biblioteconomía y Documentación. Universidad Carlos III de Madrid.

Hélio Ohmaye, Universidade de São Paulo

Universidade de São Paulo, Escola de Comunicações e Artes, Departamento de Informação e Cultura. Graduando em Biblioteconomia.

Publicado
2020-09-28
Seção
Memória