Notícias

Edição Atual

v. 14 n. 1 (2019): Fonética e Fonologia e suas interfaces
Desenho em caneta  sobre papel aquarela. Autoria Dra. Pilar Roca
Este número temático teve por objetivo reunir pesquisas relacionadas aos estudos fonéticos e fonológicos em sua diversidade, coligindo reflexões a partir de diversos referenciais teóricos e procedimentos de análise. Os artigos aceitos para publicação foram subdivididos em dois grandes eixos temáticos: aquisição fonológica e variação fonético-fonológica. No que se refere à aquisição, há trabalhos que versam desde a avaliação de processos fonológicos em crianças em situação de vulnerabilidade social a aqueles que tratam de questões relacionadas à aquisição de L2. No eixo voltado para a variação, são contemplados processos tanto em nível segmental como suprassegmental do português, explorando aspectos dialetais, estilísticos e identitários. Por fim, um dos trabalhos aborda a hipossegmentação e a hipersegmentação na aquisição da escrita. Dra. Juliene Lopes Ribeiro Pedrosa (UFPB) Dr. Leonardo Vanderley Lopes (UFPB) Dr. Rubens Marques Lucena (UFPB)
Publicado: 2019-11-18

Artigos

Ver Todas as Edições
A revista, de acesso público e gratuito como todos os periódicos alojados no portal da Universidade Federal da Paraíba (http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/index/index), recebe artigos, ensaios, resenhas e traduções de pesquisadores, alunos de pós-graduação e professores doutores de instituições nacionais e/ou internacionais.
A PROLINGUA, ao longo de seus nove anos de existência, vem se consolidando como mais um espaço de divulgação de resultados de pesquisas, teóricas e aplicadas, contribuindo para a disseminação do conhecimento científico. Nesse sentido, busca proporcionar o debate entre pesquisadores e promover o intercâmbio de ideias referente aos fenômenos linguísticos em geral. Conta em seu corpo editorial com a participação de pesquisadores de diversificadas instituições nacionais e internacionais.
Atualmente, é indexada no Latindex (http://www.latindex.org/latindex/), no Livre (http://www.cnen.gov.br/centro-de-informacoes-nucleares/livre), no Diadorim (http://diadorim.ibict.br/handle/1/1300) e no Redib (https://www.redib.org/pt-pt/) . Também é licenciada pelo Creative Commons (http://www.infowester.com/creativecommons.php) e sua qualificação mais atual no qualis periódicos da CAPES na área de Letras e Linguística é B1.