MULTIMODALIDADE EM LIVRO DIDÁTICO DO ENSINO FUNDAMENTAL E SEU PAPEL NO LETRAMENTO VISUAL

  • Orlando Vian Jr Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
  • Jandira de Oliveira Costa PPG Letras/UNIFESP

Resumo

Este texto apresenta uma análise dos elementos multimodais na abertura de três unidades de um livro didático de língua portuguesa para o ensino fundamental. O ponto de partida para a análise é a noção de multimodalidade. Tomando a proposta da Análise do Discurso Multimodal Sistêmico-Funcional de Painter, Martin e Unsworth (2013), analisamos aspectos relacionados à (i) Integração Intermodal, isto é, à forma como o modo verbal se integra ao modo visual para compor sentidos, além do (ii) Enquadramento em relação aos elementos verbais e visuais no texto e ao (iii) Foco, uma vez que diversos elementos coocorrem e alguns deles recebem maior ou menor foco. Por se tratar de uma proposta com base em multiletramentos, são abordadas, ainda, questões sobre atualizações e ampliações do termo letramento, fundamentado no uso da tecnologia da escrita, que, pelas exigências da contemporaneidade, passa a se reconfigurar em multiletramentos necessários em vista das novas linguagens e tecnologias de comunicação e informação. Inseridos na proposta de multiletramentos, abordamos o letramento visual, que pode ser desenvolvido a partir dos elementos verbo-visuais nas aberturas das unidades do livro didático sob análise. O que os resultados indicam é o livro didático como um rico suporte para a promoção de multiletramentos e de letramento visual. Esse tipo de análise e seus resultados fornecem contribuições significativas tanto para os multiletramentos e, inseridos neste, o letramento visual, quanto para o ensino de línguas, a formação de professores e questões de multimodalidade em materiais didáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2020-05-06
Como Citar
Vian Jr, O., & Jandira de Oliveira Costa. (2020). MULTIMODALIDADE EM LIVRO DIDÁTICO DO ENSINO FUNDAMENTAL E SEU PAPEL NO LETRAMENTO VISUAL. PROLÍNGUA, 14(2), 154-168. https://doi.org/10.22478/ufpb.1983-9979.2019v14n2.48697