PRÁTICA DOS PROFESSORES DA REDE PUBLICA DE ENSINO EM RELAÇÃO À AVALIAÇÃO AUDITIVA EM CRIANÇAS

  • Janaína Cândida Rodrigues Nogueira
  • Maria da Conceição Mendonça

Resumo

Objetivo: Avaliar se os professores do ensino infantil da rede pública de Cabedelo/PB têm conhecimento sobre a triagem auditiva escolar, como realizam esta triagem e se a mesma está baseada em achados na literatura. Material e Métodos: Estudo descritivo transversal, realizado por meio de entrevista estruturada com 31 professores do Ensino Público do Município de Cabedelo/ Paraíba - Brasil. As entrevistas foram transcritas posteriormente submetidas à análise. Resultados: A grande maioria dos sujeitos entrevistados tinha conhecimento sobre a triagem auditiva escolar, mas sem haver critérios claros e científicos para encaminhamento de crianças ao exame auditivo. Conclusão: A triagem auditiva escolar é importante, para detecção de perdas auditivas, mas para ser efetiva, necessita da participação consciente e orientada dos professores. DESCRITORES: Docentes. Linguagem infantil. Desenvolvimento infantil. Perda auditiva. Saúde escolar.
Publicado
2011-09-18
Como Citar
Nogueira, J. C. R., & Mendonça, M. da C. (2011). PRÁTICA DOS PROFESSORES DA REDE PUBLICA DE ENSINO EM RELAÇÃO À AVALIAÇÃO AUDITIVA EM CRIANÇAS. Revista Brasileira De Ciências Da Saúde, 15(4), 409-414. Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/rbcs/article/view/8200
Seção
Pesquisa