ESTRUTURA DE EMPREGO DO SETOR DE SERVIÇOS E COMÉRCIO NO BRASIL

  • Katy Maia
  • Solange de Cássia Inforzato de Souza
  • Juliana Marís Dias
  • Adriana Evarini
  • Rafael Augusto de Oliveira

Resumo

Este artigo tem por objetivo examinar as transformações na estrutura de emprego do setor de serviços e comércio no Brasil, a partir da decomposição das fontes de mudanças decorrentes do consumo, do comércio exterior e da tecnologia entre 1985 e 2003. Para isso, foram utilizados dados das matrizes de insumo-produto e das PNADs (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) dos respectivos anos. Os resultados obtidos mostram uma mudança favorável na estrutura de emprego do setor de serviços e comércio em favor dos trabalhadores qualificados, provocada pelos três fatores estudados. A elaboração das informações realça a importância e o dinamismo do setor que impulsiona o quantum de empregos no país, a despeito de ainda gerar vagas ocupacionais de baixa escolaridade.