Simple Knowledge Organization System: construindo sistemas de organização do conhecimento no contexto da Web Semântica

  • Maria Elisabete Catarino UEL

Resumo

Apresenta a aplicabilidade do Simple Knowledge Organization System (SKOS) para a área da Organização da Informação (OI). No contexto da Web, mais especificamente voltados para o projeto Web Semântica, os Knowledge Organization System (KOS) têm sido convertidos para os padrões recomendados pelo World Wide Web Consortium (W3C), portanto o SKOS foi apresentado e inserido no contexto da OI. Para tanto, desenvolveu-se uma pesquisa bibliográfica e documental, discorrendo sobre as temáticas: Web Semântica e Web de Dados, RDF e SKOS; bem como apresentado exemplos de aplicação e ferramentas disponíveis para a edição e validação do modelo. O SKOS é um modelo de dados para desenvolvimento de esquemas de conceitos tais como tesauros, listas de cabeçalhos, taxonomias, sistemas de classificação, e outros vocabulários controlados, que segue o modelo Resource Description Framework (RDF) e que por conseguinte permite que os esquemas de conceito sejam inseridos na proposta Web Semântica. Pretende-se que este texto possa contribuir com os pesquisadores e profissionais da área de Ciência da Informação nesta temática.

Biografia do Autor

Maria Elisabete Catarino, UEL
Doutora em Tecnologias e Sistemas de Informação pela Universidade do Minho (Portugal, 2009). Possui mestrado em Ciência da Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1999), especialização em Gestão da Informação em Unidades de Informação em C&T (1997) e graduação em Biblioteconomia pela Universidade Estadual de Londrina (1992). Atualmente é professor adjunto no Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina e diretora do Sistema de Bibliotecas da universidade. Atuando no Departamento de Ciência da Informação nos cursos de graduação em Arquivologia e Biblioteconomia, especialização em Gestão de Bibliotecas Escolares, no Mestrado Profissional em Gestão da Informação e no Mestrado em Ciência da Informação. Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Tecnologias de Informação, principalmente nos seguintes temas: Web, Web Semântica, Ontologias, Folksonomias, Dublin Core e Tecnologias de Informação aplicadas à Representação descritiva.

Referências

ALLEMANG, D.; HENDLER, J. Semantic web for the working ontologist: effective modeling in RDFS and OWL. 2nd. ed. Amsterdan: Morgan Kaufmann, 2011.

BERNERS-LEE, T.; HENDLER, J.; LASSILA, O. The Semantic Web. Scientific American, may 2001. Disponível em: <http://www.med.nyu.edu/research/pdf/mainim01-1484312.pdf>. Acesso em: 10 de abril 2005.

CATARINO, M. E.; SOUZA, T. B. A representação descritiva no contexto da web semântica. Transinformação, Campinas, v. 24, n. 2, p.77-90, maio/ago. 2012.

CATARINO; M.E.; CERVANTES, B.M.N.; SOUZA, T.B. O uso do Resource Description Framework na organização da informação. IN: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 14., Florianópolis. Anais… Florianópolis : ANCIB, UFSC, 2013.

EIONET. GEMET Thesaurus. 2014. Disponível em: <http://www.eionet.europa.eu/gemet/rdf?langcode=pt>. Acesso em: 26 maio 2014.

FOOD AND AGRICULTURE ORGANIZATION - FAO. AGROVOC. 2014. Disponível em: <http://aims.fao.org/standards/agrovoc>. Acesso em: 26 maio 2014.

INSTITUTO DE LINGUÍSTICA TEÓRICA E COMPUTACIONAL – ILTEC. Conceito. Disponível em: <http://www.portaldalinguaportuguesa.org/?action=terminology&act=view&id=3080>. Acesso em: 28 maio 2014.

ISAAC, A.; SUMMERS, E. (Ed.). SKOS Simple Knowledge Organization System Primer: W3C Working Group Note 18 August 2009. Disponível em: <http://www.w3.org/TR/2009/NOTE-skos-primer-20090818/>. Acesso em: 19 novembro 2012.

LIBRARY OF CONGRESS. Iguaçu Falls (Argentina and Brazil). Disponível em: <http://id.loc.gov/authorities/subjects/sh2006004238.html>. Acesso em: 26 maio 2014.

MILES, A.; BECHHOFER, S. SKOS Simples Knowledge Organization System Reference. W3C Recommendation, 2009. Disponível em: <http://www.w3.org/TR/skos-reference/>. Acesso em: 26 maio 2014.

MILES, A.; BRICKLEY, D. SKOS Core Guide. W3C: 2005a. Disponível em: <http://www.w3.org/TR/2005/WD-swbp-skos-core-guide-20051102/>. Acesso em: 20 novembro 2012.

______. SKOS Core Vocabulary. W3C: 2005b. Disponível em: <http://www.w3.org/TR/2005/WD-swbp-skos-core-spec-20051102/pt>. Acesso em: 20 novembro 2012.

RDF WORKING GROUP. Resource Description Framework. W3C. 2014. Disponível em: <http://www.w3.org/RDF/>. Acesso em: 28 maio 2014.

SCHREIBER, G.; RAIMOND, Y. (Ed.). RDF 1.1 Primer. W3C Working Group Note. 2014. Disponível em: <http://www.w3.org/TR/rdf11-primer/>. Acesso em: 28 Maio 2014.

SEMANTIC WEB DEPLOYMENT WORKING GROUP. Simple Knowledge Organization System (SKOS). W3C. 2009. Disponível em: <http://www.w3.org/2001/sw/wiki/SKOS>. Acesso em: 20 Maio 2014.

SOLOMOU, G.; PAPATHEODOROU, T. The use of SKOS vocabularies in digital repositories: the DSpace case. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON SEMANTIC COMPUTING, 4th, 2010, Pittsburgh PA USA. Proceedings... Los Alamitos, California, USA: IEEE Computer Society, 2010. p.542-547.

UDC Consortium. UDC Summary Linked Data. 2011. Disponível em: <http://udcdata.info>. Acesso em: 28 maio 2014.

W3C. W3C DATA ACTIVITY: Building the Web of Data. 2013a. Disponível em: <http://www.w3.org/2013/data/>. Acesso em: 28 maio 2014.

______. Semantic Web. 2013b. Disponível em: <http://www.w3.org/standards/semanticweb/>. Acesso em: 26 maio 2014.

W3C BRASIL. Web Semântica. 2011. Disponível em: <http://www.w3c.br/Padroes/WebSemantica>. Acesso em: 26 maio 2014.

ZOGHLAMI, K.; KERHERVÉ, B.; GERBÉ, O. Using a SKOS engine to create, share and transfer terminology data sets. In: INTERNATIONAL CONFERENCE ON SIGNAL IMAGE TECHNOLOGY & INTERNET-BASED SYSTEMS, 7th, 2011, Dijon, France. Proceedings… Los Alamitos, California: IEEE Computing Society, 2011. p.46-53.

Publicado
2014-06-15
Seção
ARTIGOS DE PESQUISA