Imaginário & ciência: novas perspectivas do conhecimento na contemporaneidade

Autores

  • Ana Maria Dalla Zen Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2012v7n1.14935

Resumo

Reflete sobre o conhecimento contemporâneo, a partir de uma comparação entre a ciência cartesiana e o paradigma emergente, com base nas idéias de Ilya Prigogine. Destaca a mudança provocada pela inclusão da subjetividade na construção do conhecimento, numa perspectiva de conexão entre a emoção, a paixão e a razão como estratégia para compreensão da realidade. Analisa os conceitos de disciplinaridade, interdisciplinaridade e transdisciplinaridade. Destaca o papel das emoções na construção do conhecimento, a partir da Biologia do Conhecimento. Conclui que a integração entre ciência razão e paixão se converte num novo modo de conhecimento que, por sua vez, conduz ao reencantamento da ciência. Palavras-chave: Paradigma emergente. Transdisciplinaridade. Conhecimento-Novas perspectivas. Link para o texto completo (PDF) http://seer.ufrgs.br/EmQuestao/article/view/23675/14322

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Maria Dalla Zen, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Graduação em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo.

Publicado

2013-01-03

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos