Indicadores e modos cognitivos de produção da realidade: evidências da aplicação da sociometria

Autores

  • Dalton Lopes Martins Faculdade de Tecnologia de São Paulo.
  • Gustavo Giolo Valentim Universidade de São Paulo.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2013v8n2.18678

Resumo

Com este artigo, buscamos colocar em cena novos elementos que acreditamos terem recebido, até o momento, pouca atenção no campo da Ciência da Informação. Para isto, vamos começar com alguns questionamentos sobre a visão de ciência produtora de um determinado modelo cognitivo que domina esse campo hoje e novas possibilidades de compreensão sobre o saber científico. Na sequência, resgataremos uma visão sobre o surgimento histórico da sociometria, as forças que movimentaram a sua história e seus desdobramentos a partir da criação de modelos matemáticos para sua leitura. Por fim, discutiremos a sociometria no mundo hoje e caminhos que consideramos que ela possa seguir. Palavras-chave: Sociometria. Análise de redes sociais. Fenomenologia. Metafísica. Link para o texto completo (HTM) http://dgz.org.br/fev13/Art_04.htm

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dalton Lopes Martins, Faculdade de Tecnologia de São Paulo.

Doutorando em Ciência da Informação, Universidade de São Paulo. Professor Assistente da Faculdade de Tecnologia de São Paulo.

Gustavo Giolo Valentim, Universidade de São Paulo.

Mestrando em Psicologia, Universidade de São Paulo.

Publicado

2014-03-29

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos